30/10/20 - 00:20:28

Virada pode ocorrer até em 24 horas

Diógenes Braynerdiogenesbrayner@gmail.com

Nunca dantes neste país [para usar um jargão de Lula], um político de direita extrema teve tanto orgulho de dizer que era conservador. Jamais! Depois de Bolsonaro essa posição tornou-se normal, ideológica e que pode atrair votos. A direita sempre esteve clara nas posições partidárias, nas ações de seus integrantes, nos gestos e atos. Mas tão citada e badalada jamais. A esquerda não ia às ruas e sempre agiu nos bastidores.

No atual momento faz questão de mostrar a cara e defender princípios. Mostra-se disposta a desafiar uma esquerda hoje acomodada e voltou a chamar de “comunistas” a quem discorda do retrógrado, como se o passado udenista estivesse voltando. Lúcio Flávio, que é candidato do Avante à Prefeitura de Aracaju, está tentando mostrar isso, embora tenha remanescentes bem ativos no PCB. Não avança um único milímetro nesse estilo velho de fazer campanha, mas seus seguidores acham que ele estará no segundo turno, enfrentando Márcio Macedo (PT) que representa o lulismo.

Na verdade, o crescimento de Márcio é visto também pelo PT, mas numa disputa com Edvaldo Nogueira. Um dos seus melhores articuladores acha que a esquerda está retomando a força na América do Sul. Lembra que a eleição do presidente da Bolívia, Luis Arce, e o movimento no Chile para mudança da Constituição deixada pelo general Pinoche, podem refletir no Brasil, em um momento que Bolsonaro revela intenção de privatizar o SUS.

Admite que o candidato petista à Prefeitura de Aracaju, Márcio Macedo, precisa ter mais sangue no olho e atrair a população, através de um discurso avançado, que lembre toda a história de luta do PT. Apesar de faltar apenas 16 dias para o pleito, o articulador sugere uma maior reação na campanha, “porque em até 24 horas dá para promover a virada, que não acontece com carnaval, mas com um chamamento popular, melhorando muito o programa e chegando ao povo com propostas críveis”.

Sobre a candidata do Cidadania, Danielle Garcia, ele considera que houve uma redução em sua queda vertiginosa, mas mesmo assim ela não se recupera, porque ainda exibe excesso de arrogância e autoritarismo. Quanto ao candidato Rodrigo Valadares (PTB), ele está abrindo o jogo ao assumir que é conservador, bolsonarista e evangélico, utilizando um programa que faz críticas duras à direita, levando em conta as questões do aborto e da generalização sexual.

Com isso, o ilustre articulador vê Márcio disputando o segundo turno com Edvaldo Nogueira, ao considerar que o programa que ele apresenta é do que já fez e poderá fazer por Aracaju.

Mas o jornalista Luis Eduardo Costa faz uma análise diferente. Escreve que “o PT é o único partido que não tem autoridade moral para fazer criticas a Edvaldo. Marcio Macedo está fazendo uma campanha com qualidade que deixa dúvidas sobre a inteligência dele”.

E continua: “quando chama Edvaldo de “Rei Manhosão, aí Márcio faz pouco caso da inteligência dos aracajuanos. Há tão pouco tempo o PT tinha Eliane vice de Edvaldo e ocupava ainda vários postos importantes na Prefeitura. Edvaldo já era ‘Manhosão’ naquele  tempo, ou Márcio manhosamente, por mero oportunismo, só agora constata as  ‘manhas’ de Edvaldo? Às vezes um mínimo de coerência faz bem ao político, e até pode evitar vexames nas disputas eleitorais, sendo surpreendido pela rejeição  do eleitorado”, conclui.

As opiniões fluem e todos falam, mas quem está trabalhando intensamente na produção dos programas e na campanha, logicamente confia na vitória do seu candidato, deixando sempre uma opinião única: o prefeito Edvaldo Nogueira está no segundo turno com chances mais remotas de vencer no primeiro.

Luciano está no páreo

Marcos Aurélio, candidato a vereador pelo PDT em Aracaju, diz que presidente da Alese, Luciano Bispo, também é um nome para disputar o Governo em 2022.

*** – Luciano tem conseguido harmonizar os Poderes com sua habilidade de dialogar e resolver problemas. Além disso, é um ser humano com uma sensibilidade gigante.

*** Marcos finalizou: “vai completar oito anos como presidente da Alese, algo nunca antes conquistado por uma liderança política.”

Questão no Cidadania

Circulou matéria ontem de que, na quarta-feira, Elbinho tivera um desentendimento com o responsável pelo financeiro do Cidadania, da candidata Daniele Garcia.

*** Informou mais que “Elbinho chateado, coordenador de campanha de Danielle, não foi mais fazer a campanha (sic) e teria se afastado”.

*** Diz mais que a candidata não fez carreata e estaria juntando os trecos para tentar realizá-la ontem, mas estavam encontrando dificuldade.

Coincidência de nomes

Na realidade houve um desentendimento entre dois membros da coordenação da campanha e um deles coincidentemente também era conhecimento por Elbinho.

*** O motivo teria sido a utilização de uma camioneta e a carreata não ocorreu porque Danielle e Valadares tiveram compromissos no Sindmed, onde foram sabatinados.

*** O vereador Elber Batalha (PSB) disputa a reeleição, não é coordenador da campanha de Danielle e Valadares. Tem mais: não esteve no Santos Dumont.

Elber dá todo apoio

O vereador Elber Batalha (PSB) trabalha intensamente sua campanha à reeleição e nem sempre acompanha os majoritários em razão de outros compromissos.

*** Elbinho está firme e se mantém defensor inarredável da candidatura de Danielle Garcia e Valadares Filho à Prefeitura de Aracaju.

Ainda sobre fundos

Candidatos a vereador pelo Solidariedade estão chateados com o presidente regional do partido, deputado Gustinho Ribeiro.

*** Gustinho teria prometido ajuda do fundo partidário e não cumpriu colocando os candidatos em dificuldade.
*** Segundo um dos vereadores, os recursos foram transferidos para candidaturas majoritárias.

O nome do sertão

O ex-deputado federal Heleno Silva (Republicanos) complementa comentário da coluna e diz que “pela primeira vez o sertão pode ter um governador”.

*** Para Heleno Silva, o nome de Ulices Andrade é bem visto na região e levará os votos do sertão caso se candidate à sucessão de Belivaldo Chagas.

Disputa em Estância

Em Estância, lideranças que seguem o prefeito Gilson Andrade estão absolutamente conscientes de uma vitória por uma vantagem significativa.

*** O candidato do Pros a prefeito de Estância, Gilson Alves, vem sendo empurrado pela militância e acredita que ultrapassa Gilson Andrade que tenta a reeleição.

*** O ex-prefeito Ivan Leite está em campanha cerrada para eleger Márcio e comparece a todos os atos em favor do seu candidato.

Sukita vai às lágrimas

O ex-prefeito de Capela, Manuel Messias Sukita, foi aos prantos, ontem, durante vídeo nas redes, lamentando a ação da Justiça Eleitoral de proibi-lo participar de carretas e falar sobre política.

*** Sukita admite que isso seja uma perseguição, porque ele não tem atacado ninguém, mas retiram ele da disputa eleitoral até para apoiar uma irmã.

*** Em lágrimas, Sukita diz: “não mereço ser perseguido pela justiça em benefício dos meus adversários”.

Xingó é apedrejada

Em Canindé do São Francisco, um problema grave: A Rádio Xingó vem sendo apedrejada por vândalos, em vários momentos do dia.

*** Ontem à tarde um grupo de desocupados promoveu “um banho de pedras” na emissora e a polícia, que tentou conte-los em um matagal, também foi apedrejada.

*** Os funcionários estão amedrontados, porque até um veículo já foi atingido. Ainda não se identificou quem está por trás disso, mas há uma certeza: “os vagabundos estão sendo bem pagos”.

Lúcio põe a cara

O candidato do Avante, Lúcio Flávio, publica que Pela primeira vez na história de Aracaju, de forma inédita, “cristãos se unem em apoio a uma candidatura genuinamente conservadora e com apoio do Governo Federal”.

*** Diz que “líderes evangélicos e agrupamentos católicos decidiram deflagrar uma onda de apoio à chapa, que tem ele como candidato a prefeito”.

*** Lúcio teve apoio de Damares Alves através de vídeos enviados por ela, mas não de Jair Bolsonaro.

Reação a Rodrigo

Admite-se que a reação de Lúcio Flávio foi para fugir da apatia absoluta e uma tentativa de encostar-se ao candidato do PTB, deputado Rodrigo Valadares.

*** Rodrigo se apresenta como conservador, evangélico, crítico da esquerda e que segue a linha do presidente de Jair Bolsonaro.

Laércio animado

O presidente regional do PP, Laércio Oliveira, admite que seu partido faça dois ou até três vereadores em Aracaju. Disse que a sigla ajudou “no máximo que pode, aos candidatos com o Fundo Eleitoral”.

*** Laercio também se mostra animado com a boa presença do partido no interior, na disputa por prefeituras e Câmaras Municipais.

Uma boa conversa

Expor fadiga – A sociedade começa a expor fadiga com as bobagens de Bolsonaro. Até o momento ele não disse a que veio.

Blog do Noblat – Presidente do PT diz que aproximação com Ciro passa por pedido de desculpas a Lula e ao partido.

Clóvis Silveira – Quando as pessoas te dizem que você mudou, é só porque você deixou de agir como elas queriam que você agisse!

Suspende cassação – Dias Toffoli suspendeu a cassação do deputado distrital José Gomes (PSB), acusado de abuso de poder econômico nas eleições de 2018.

Ainda insiste – O presidente Jair Bolsonaro ainda insiste com a bobagem de mandar embora o comunismo do Brasil.

Discurso antivacina – Cláudio Dantas comenta o efeito do discurso antivacina nas campanhas de vacinação contra a poliomelite e o sarampo que se encerram hoje.

Revista Fórum – Bolsonaro se refere ao seu candidato em BH com medida usada para pesar gado: “Tá com umas 7arrobas”.

Começa a agir – Bolsonaro começa a agir em Capitais onde a esquerda está à frente na disputa pela Prefeitura.