07/11/20 - 09:02:49

Reabertura gradual: universitários voltam à vida no campus após oito meses

Reabertura da Unit segue protocolo de biossegurança dos órgãos competentes e Ministério da Saúde. Apenas alunos da saúde e outros três cursos retomam a partir do dia 09.

Seguindo todas as recomendações de biossegurança, a Universidade Tiradentes – Unit – abrirá as portas de todos os campi de Sergipe a partir de segunda-feira, 09, com foco na retomada das atividades práticas para integralização do semestre 2020.1. Isto é: o acesso será restrito apenas para alunos que estão com disciplinas do primeiro semestre  com carga horária pendente.

Assim, cerca de 2500 alunos de todos os cursos da área de Saúde da Unit dos campi de Aracaju, Itabaiana, Estância e Propriá, além dos cursos de Design de Moda, Design Gráfico e Publicidade e Propaganda, retomam atividades práticas neste momento. Com isso, os atendimentos ao público da clínica de Odontologia também voltarão – já que na clínica de Fisioterapia e no Unit LAB já estavam em funcionamento.

Como forma de garantir a continuidade do modelo de ensino, aprendizagem e pesquisa em nível de excelência, 25% do quadro de colaboradores administrativo e 50% do operacional estarão em atividades presenciais na Unit.

“Estamos retomando de maneira gradativa, escalonada e com distanciamento controlado, conforme as diretrizes recomendadas pela Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e Governo do Estado, presentes no Plano de Reabertura do Grupo Tiradentes. Os alunos receberam orientações e treinamento com orientações necessárias sobre biossegurança. E ofertamos ainda, curso focado na formação do aluno frente ao atual cenário pandêmico”, explica o pró-reitor Administrativo e Financeiro, professor Francisco Almeida.

No que se refere à clínicas e laboratórios, os protocolos seguem determinações do Governo do Estado para estabelecimentos equivalentes e também obedece aos protocolos exigidos no Plano de Reabertura do Grupo Tiradentes.

Retorno gradativo

Seguindo os protocolos sanitários e medidas de biossegurança, a reabertura do Campus vem tendo como principais medidas preventivas o uso obrigatório de máscaras, aferição de temperatura de alunos, colaboradores e visitantes.

Iniciativa está prevista na resolução nº 03 do Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais, publicada no Diário Oficial de Sergipe do último dia 20, que dispõe sobre as atividades especiais educacionais em instituições de ensino superior, previstas no Decreto nº 40.652, de 27 de agosto de 2020.

Critérios sanitários

O Grupo Tiradentes considerou Saúde e Segurança, e Educação e Pesquisa para desenhar o Plano de Reabertura. Para isso, os ambientes de trabalho e de ensino foram reestruturados com demarcação que prevê distanciamento de até dois metros, além da instalação de barreiras acrílicas para mesas e balcões nos setores de atendimento (funcionando em regime reduzido) e sinalização com regras de conduta para prevenção ao contágio – higienização, restrição nos elevadores, direcionamento de fluxo e barreiras.

A máscara é item obrigatório para todos e o tipo face shield (viseira) para uso dos professores nas aulas. Também há verificação de temperatura de todos que acessam os campi da Unit.

O dispenser de aproximação da boca dos bebedouros estão isolados, incentivando uso de garrafas e copos para hidratação. Dispenser e totens de álcool gel estão distribuídos ao longo de todo o campus, bem como tapetes sanitizantes instalados no acesso dos prédios e áreas comuns estão fechada, além da intensificação de desinfecção dos ambientes, incluindo higiene dos equipamentos de ar condicionado conforme indicações do governo do estado.

Plano de Reabertura

Para construir o Plano de Reabertura, o Grupo Tiradentes realizou uma análise do cenário internacional, nacional e local da atual crise sanitária, assim como estudamos, através do nosso instituto nos Estados Unidos da América – Tiradentes institute at UMass Boston, experiências bem sucedidas de reocupação dos Campi a partir do Reopen Plan (Plano de Reabertura) Massachusetts, com atenção especial ao trecho que trata do ensino superior. No que se refere aos planos de reabertura dos Campi que consideramos mais relevantes para nos subsidiar, consideramos Harvard University, Massachusetts Institute of Technology, Boston University e o University of Massachusetts Boston.

Além destes, foram considerados os planos de retomada da educação do Governo de Portugal e do Governo da Espanha no âmbito internacional, do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, em termos nacionais, e orientações específicas feitas por entidades de classe, em especial as da Associação Brasileira das Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES).

Assessoria de Imprensa