10/11/20 - 13:35:07

FECOMSE OBTÉM AVANÇOS PARA TRABALHADORES DO COMÉRCIO E SERVIÇOS

A Federação dos Empregados no Comércio e Serviços do Estado de Sergipe (Fecomse) e os sindicatos filiados têm obtido nas mesas de negociação grandes avanços para a classe trabalhadora, especificamente, para as trabalhadoras e os trabalhadores do comércio e serviços.

Segundo o presidente da Fecomse, Ronildo Almeida, mesmo num momento atípico, em decorrência da pandemia do coronavírus, as entidades sindicais alcançaram resultados positivos para a categoria no fechamento das Convenções Coletivas de Trabalho, com reajuste salarial e conquistas sociais. Até o momento, já foram fechadas as convenções dos segmentos de supermercados, de lojistas e de material de construção.

“A luta tem sido difícil. São várias dificuldades, desde a construção de uma pauta de reivindicações até o fechamento da convenção coletiva, mas temos alcançado resultados positivos. As mesas de mediação, visando as negociações, têm acontecido na Superintendência Regional do Trabalho e em reuniões fora dela, tentando de todas as formas atender as expectativas da classe trabalhadora. Existem pendências, mas continuamos trabalhando para o entendimento e o fechamento das convenções que faltam”, argumenta Ronildo Almeida.

“Cabe agora que cada trabalhadora e cada trabalhador reflitam sobre o momento pelo qual estamos passando, com a tentativa do Governo Federal e do patronato de retirar conquistas da classe trabalhadora obtidas em anos de luta, e as vitórias alcançadas pelas nossas entidades sindicais”, reforça Ronildo Almeida.

Para o dirigente da Fecomse, a categoria precisa ter consciência do seu papel em todo esse processo de negociação e da construção de uma pauta que defenda avanços salariais e manutenção dos direitos da classe trabalhadora.  “É necessário que o trabalhador reconheça e se orgulhe do seu sindicato, que entenda que cada um é parte do seu sindicato, que tenha orgulho de ser comerciária e comerciário e saiba da  importância do segmento pelo desenvolvimento e crescimento econômico do Estado”, avalia Almeida.

“Agora, mais do que nunca, é fundamental que todos participem efetivamente das negociações, das lutas e das ações desenvolvidas pelas nossas entidades, trazendo avanços para a categoria e para toda a classe trabalhadora. É o momento de fortalecer o nosso sindicato, de estar presente nas lutas e de enfrentar esse desmonte social e trabalhista. Só assim, conquistaremos uma vida digna para nós e para nossas famílias”, ressalta Ronildo Almeida.

Por Tereza Andrade

Foto assessoria