12/11/20 - 05:25:09

Márcio Macêdo apresenta propostas aos comerciantes do Centro de Aracaju

Petista dialogou sobre estratégias para fomentar a economia, bem como emprego e renda, a exemplo da criação dos programas Bolsa Família Aracaju e Bolsa Trabalho Aracaju

No começo da tarde desta quarta-feira, 11, o candidato a prefeito de Aracaju, Márcio Macêdo (PT), visitou, a convite da União Geral dos Trabalhadores em Sergipe (UGT/SE), o centro comercial da capital e dialogou com comerciantes, empresários e trabalhadores da região. Ao lado do deputado federal, João Daniel, e do candidato a vereador, Camilo, o petista apresentou propostas para fomentar a economia, bem como emprego e renda, a exemplo da criação dos programas Bolsa Família Aracaju e Bolsa Trabalho Aracaju.

Os dois projetos, que fazem parte da plano de governo do Partido dos Trabalhadores, tem foco na geração de oportunidades para os aracajuanos e aracajuanas, com a transformação da Fundação Municipal de Formação Para o Trabalho (Fundat) em uma agência que, de fato, fomente a inserção da população no mercado de trabalho.

“A proposta do Bolsa Trabalho Aracaju, que irá dar suporte aos trabalhadores e trabalhadoras de baixa renda, que estão fora do mercado formal e não têm acesso ao seguro-desemprego, é centralizar os esforços de acolhimento familiar de forma transversal e deve atender, inicialmente, 1000 participantes que serão direcionados a prestação de serviços de interesse local, além de oferta de cursos de qualificação profissional. O objetivo é alcançar, em até quatro anos, dez mil pessoas. Dessa forma, vamos acolher, com benefício mensal e inserção ao mercado de trabalho, aqueles que foram esquecidos pelo poder público, gerando oportunidade de renda e capacitação ao nosso povo, dando uma melhor e mais digna condição de vida a cada beneficiado”, explica.

O objetivo do programa, segundo Márcio, é mudar a realidade vivida pelas famílias aracajuanas, principalmente após os impactos sofridos durante a pandemia. “Os efeitos da pandemia foram severos e a nossa economia ficou fragilizada. 1437 empresas fecharam em Aracaju. O que o prefeito fez para evitar isso? Nada! Aracaju merece alguém que esteja ao lado dos trabalhadores e é o PT quem tem compromisso com o povo”, afirmou.

Já com o Bolsa Família Aracaju, o foco, conforme explicação de Márcio, será no investimento de proteção social daqueles que vivem em situação de vulnerabilidade econômica e social. “Hoje, a capital enfrenta um déficit de 5.964 famílias sem o acesso ao Bolsa Família, de acordo com dados de 2019 do Observatório Social de Aracaju, e é no enfrentamento à extrema pobreza que a política social do nosso programa de governo é pautado, tendo foco na transferência de renda, que será um dos pilares mais importantes de nossa administração”, revela.

“Esse nosso programa fará o diálogo com outras ações que enfrentam os elevados níveis de desigualdade, acompanhados por extrema pobreza, informalidade, desproteção social e limitando acesso a serviços públicos de forma oportuna, situações que demonstram o alto custo social que o país e a cidade de Aracaju estão pagando. Através do fortalecimento do Programa Bolsa Família Aracaju, vamos garantir à população políticas de direitos com maior acesso ao Sistema Único de Assistência Social (SUAS) de forma descentralizada e participativa e, assim, promover a proteção social e defesa de direitos socioassistenciais”, acrescenta.

Ainda durante agenda política, Márcio debateu com taxistas que atuam na região central da capital, reforçando seu compromisso com o Plano de Mobilidade Urbana e Licitação do Transporte Público atrelados à qualidade de vida, inclusão e equilíbrio funcional de todas as classes trabalhadoras de Aracaju.

Fonte assessoria

Foto: Janaína Santos