28/12/20 - 06:04:04

A Essência Festiva do Natal: 40ª Edição do Sarau no Coreto despede-se de 2020

Chegamos ao fim de um ano assustador com a esperança que em 2021 superaremos os obstáculos. Foi com esse sentimento que ocorreu a 40ª edição do Sarau no Coreto, Monte Alegre de Sergipe. A edição foi realizada através da plataforma do Google Meet e teve como tema “A Essência Festiva do Natal”.

Neste ano, 2020, tivemos que adaptar nossos comportamentos, sentimentos e ações em prol do bem-estar coletivo. O Sarau no Coreto não poderia ficar ausente desse contexto, pois ele é Patrimônio Cultural e Imaterial do município através da Lei 44/2018. Logo, é seu dever está ativo, possibilitando discussões e promovendo cultura.

Os participantes desta edição assistiram a uma breve retrospectiva das edições de 2020. Iniciamos o ano discutindo sobre o esporte, mobilizamos a sociedade para a proteção dos animais, evidenciamos o feminicídio, conhecemos o espiritismo, festejamos o centenário da nossa feira livre, dançamos um xote virtualmente, celebramos o Bicentenário de Sergipe, refletimos sobre a terceira idade, aprendemos que a contação de história fortalece o ato de ler, comemoramos os 67 anos de Emancipação Política do município, realizamos o I Concurso Fotográfico e natalizamos.

Nesse percurso, honramos o reconhecimento outorgado pelo Poder Legislativo, através da propositura do vereador Gismário Correia (Geninho de Zé de Dé) com a aprovação unanime dos seus pares e a sanção da Lei pela prefeita municipal, Marinez Pereira. Agradecemos a todos que compõem o Poder Executivo e Legislativo (2017-2020).

Após o reconhecimento, houve a prestação de contas do recurso que o projeto recebeu como premiação oriundo da Lei Aldir Blanc. Essa Lei foi importante para uma pequena reparação dos estragos causados pelo COVID-19 no setor cultural de nosso país. É preciso torná-la permanente.

Em seguida, houve uma homenagem ao eterno apoiador do Sarau e dos movimentos culturais existentes no município, Marcos Loureiro (Marcão). Sabemos quanto é doloroso a partida de um conhecido e quando ele é próximo a dor é mais intensa. Somos eternamente gratos pelo apoio incondicional que o jovem Marcão nos dava.

Chegando ao final da edição, o jovem, Anderson Plácido, apresentou a arte visual do Sarau que será usada a partir de janeiro. A mistura entre o histórico e o contemporâneo dá o tom do novo visual gráfico. O nosso agradecimento a esse grande apoiador.

Ainda cabe evidenciar as recitações de poemas feitas por Lucyelma, Padre Adalto, Adebaldo, Franklin, Carlos Alexandre e Márcia Fernanda.

Assim, aconteceu a última edição do ano do Sarau no Coreto. Convidamos a todos a acompanharem as próximas edições, darem sugestões de temas e fortalecerem esse Patrimônio de cada cidadão monte-alegrense. Agradecemos a Adebaldo Júnior, Antenor Aguiar, Cícera Tavares, Franklin Rolim, Josinete Santos, Márcia Fernanda, Maria José, Martha Danielly, membros da Plêiade Cavalo-do-Cão e do “A Poesia indo à Escola” pela participação. Vida longa ao Sarau no Coreto!

Por Carlos Alexandre N. Aragão

Idealizador do Sarau no Coreto