28/12/20 - 08:58:39

Cata-Treco auxilia no combate ao descarte irregular e à disseminação de doenças

Com uma programação que, semanalmente, atende a várias regiões da capital, o Cata-Treco é um dos serviços da Prefeitura de Aracaju que, além de possibilitar o recolhimento de itens sem serventia, ajuda a evitar alagamentos das vias públicas e a combater doenças causadas por vetores que se proliferam em ambientes insalubres.

O serviço está em operação há cerca de quatro anos e é realizado pela Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb). O diretor de Operações do órgão, Bruno Moraes, explica que a equipe que gere o serviço faz um levantamento da necessidade dos bairros. “A gente vê onde há maior procura, através das solicitações ou dos fiscais que fiscalizam a coleta de lixo”, afirma.

A partir desse levantamento, o Departamento tenta dosar os bairros atendidos. “A gente faz um cálculo, equivalente à quantidade de moradores. Ou seja, quanto mais gente, maior é a procura e a necessidade”, observa Bruno. No entanto, de acordo com ele, o principal termômetro é a sensibilidade de quem atua e acompanha o serviço.

“No dia a dia, a gente vai acompanhando e avaliando. A programação antecede a semana e durante esse período a gente sinaliza com carro de som e nas redes sociais, então, dá para a população se programar”, ressalta. A solicitação deve especificar quais itens deverão ser recolhidos no local, para que a equipe possa se programar.

“É preciso que a gente tenha noção de volume para encaixar na programação, então a pessoa deve informar qual item será recolhido”, reforça. Segundo Bruno, também é interessante que a pessoa deixe o material na porta de casa algum tempo antes do horário programado.

Os veículos que operam com o serviço realizam a coleta diariamente. Geralmente, segundo o diretor de Operações da Emsurb, a solicitação é atendida em até 48h, mas pode ser antes dependendo da programação semanal. No entanto, há épocas em que o período pode ser maior. “É o que ocorre agora, no final do ano, quando muita gente adquire móveis novos e outros artigos novos e precisa descartar os velhos”, diz.

Bruno garante que tudo é realizado para dar conforto e disponibilizar o melhor serviço para a população. Para além disso, de ser uma ferramenta de prestação de serviço à população, o Cata-Treco também se configura como um importante aliado da coleta seletiva e da reciclagem, já que atua em parceria com duas Cooperativas da capital – a Coores e a Care, destinando os itens para reúso.

“Tudo que é coletado pelo caminhão é encaminhado para as cooperativas, onde é feita uma triagem. Elas separam o que consideram reutilizável e o que vai para a caixa de destinação final, que a Emsurb recolhe e destina para o aterro sanitário”, esclarece. Bruno também destaca que, alguns bairros, por questões geográficas, recebem o serviço por mais de um dia.

“Isso ocorre em locais com grande número de moradores, onde a demanda é mais alta. Em bairros menores, a coleta é feita no mesmo dia, a fim de tentar otimizar e, consequentemente, atingir o máximo de pessoas possível, proporcionando um serviço de qualidade”, resume Bruno Moraes.

Diante de tudo isso, a Emsurb reforça que não há justificativa para o descarte irregular de resíduos sólidos nas vias públicas, o que, segundo ele, finalmente vem diminuindo a cada dia. “A população vem ajudando, inclusive orientando vizinhos em relação à importância disso. O serviço está sendo mais demandado e a população está deixando de fazer o descarte irregular nas ruas”, comemora o diretor da empresa municipal.

Para solicitar o Cata-Treco, o morador deve entrar em contato com a Emsurb, seja através da Ouvidoria, pelo 3021-9908, ou pelo e-mail ouvidoria.emsurb@gmail.com.

Foto: Felipe Goettenaue