30/12/20 - 08:12:20

Vino encerra mandato com obras licitadas e em andamento, salários e programas sociais

Ao encerrar o segundo mandato, o prefeito Vino Barreto entregará ao sucessor a Prefeitura de Rosário do Catete muito diferente de como a recebeu no início da atual gestão em 2017. Hospital e balneário fechados, salários e programa social atrasados, frota de veículos sucateada, além de dívidas, entre elas a de mais de R$ 1 milhão com a Deso.

A queda na receita de R$ 24 milhões nos dois primeiros anos da administração em relação a 2016, sendo R$ 14 milhões em 2017 e R$ 10 em 2018; e a Pandemia do Coronavírus-Covid 19 que afetou a economia mundial, também dificultaram a administração que se encerra no dia 31 dezembro.

Por causa da situação financeira que encontrou, o prefeito Vino Barreto nos anos iniciais da gestão priorizou o Ser Humano, aplicando os poucos recursos na reabertura e funcionamento do hospital, pagando em dia os salários, os reajustes do Piso dos Professores, o Bolsa PIS e reativando o Boa Mesa além de investir em cursos de capacitação para os servidores e em infraestrutura como melhoria física dos prédios e aquisição de veículos.

“Sempre priorizei o cuidado com as pessoas e o respeito ao bem público, e foi dessa maneira que pautei minha vida pública. Nessa gestão enfrentamos muitas dificuldades, como crise financeira e pandemia, mas graças a Deus superamos a maioria com bastante trabalho. Para alguns, o gestor bom é o que faz obras físicas, só que eu não me sentiria bem, investindo os recursos da prefeitura em construções para passar a imagem de um bom administrador e deixar o servidor em dificuldades e as famílias mais carentes sem o dinheiro do Bolsa PIS ou as cestas de alimentos do Boa Mesa”, confessou o prefeito.

Como solução para a baixa arrecadação, o prefeito foi até Brasília em busca de emendas parlamentares para realizar obras como as reformas da Praça do Banese, da Unidade da Saúde do Tamandaré, pavimentação de ruas no Loteamento de Horácio, no Mutirão, em frente à garagem da prefeitura e no Barretão.

Para a Saúde, além de quase R$ 1 milhão em equipamentos para o hospital e Centro de Fisioterapia, ele conseguiu recursos para reformar todas as unidades de saúde.

Já está licitado, com verba em conta, o calçamento de diversas ruas da Fazenda Comunitária. A obra que será realizada pela Codevasf, só não foi iniciada porque a construtora está com dificuldade em encontrar paralelepípedos no mercado.

Em andamento, com recursos garantidos na conta da prefeitura, estão às conclusões da Creche e da Escola do Mutirão, obras idealizadas e viabilizadas no primeiro mandato do prefeito Vino Barreto.

Também foi iniciada, desde o mês de agosto, a restauração do antigo Casarão, na Rua Padre Vilar, em frente à Igreja Nossa Senhora do Rosário. De acordo com a emenda parlamentar federal, no novo prédio será instalado o Centro de Artesanato de Rosário do Catete.

Outro marco importante desta gestão é a implantação do Banco de Alimentos de Rosário do Catete, o primeiro de Sergipe, em parceria com a Mosaic Fertilizantes.

Idealizado pelo prefeito e a Primeira-Dama, Maria das Graças Barreto, em pouco mais de um ano em atividade, o Banco de Alimentos resgatou a autoestima dos agricultores familiares rosarenses, pois agora podem vender a produção deles para a merenda escolar da rede municipal e à Secretaria de Inclusão Social do Governo de Sergipe.

Os mais carentes de Rosário também são beneficiados, já que todos os alimentos que chegam ao banco, sejam por doação ou aquisição, são entregues às famílias que se encontram em situação de insegurança alimentar.

A sede do equipamento está situada no complexo da Secretaria Municipal da Assistência Social, e teve como empresa parceira a Mosaic Fertilizantes. A maioria dos equipamentos já está no local.

Fonte e foto assessoria