08/01/21 - 05:48:01

PMA PRORROGARÁ MEDIDAS DE ENFRENTAMENTO AO NOVO CORONAVÍRUS EM ARACAJU

A Prefeitura de Aracaju prorrogará as medidas para o enfrentamento à covid-19 na capital sergipana, estabelecidas no decreto de nº 6.324/2020. A informação foi anunciada pelo prefeito Edvaldo Nogueira, nesta quinta-feira, 7, após reunião do Comitê-Técnico Científico e de Atividades Especiais, da qual o gestor municipal participou ao lado do governador do Estado, Belivaldo Chagas. No encontro, também foram discutidos os planos de vacinação da população.

Desta forma, fica mantido, pelos próximos 14 dias, o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos similares com a ocupação máxima de 50%. Também continua autorizada a realização de eventos, festas e shows desde que a capacidade máxima seja de até 100 pessoas, em ambientes fechados, e 150 em lugares abertos. Apresentações de pequeno porte, com até dois artistas, também podem ser realizadas e a utilização de pistas de dança ou de espaços equivalentes, continua proibida.

“Neste primeiro momento, foi definido pela prorrogação do decreto, pelos próximos 14 dias. Sendo assim, não avançaremos nas medidas, nem vamos regredir, continua tudo como está. Passados esses 14 dias, faremos uma nova avaliação e, a partir desta análise é que iremos decidir”, afirmou o prefeito.

Em entrevista à imprensa, Edvaldo também falou sobre os dados relativos à doença que foram apresentados durante a reunião. Diante da análise epidemiológica, que aponta o crescimento no número de infectados e, consequentemente, de ocupação dos leitos de UTI e retaguarda, o prefeito pediu que “a população colabore com o poder público”.

“Há um aumento significativo no número de contaminados, de ocupação de leitos de UTI e retaguarda, assim como também há um aumento significativo no número de óbitos, o que nos mostra que a doença vem crescendo em nossa cidade e em nosso estado. O que nos preocupa é que,  segundo os estudos da Universidade Federal de Sergipe, existe a possibilidade de um pico da doença em meados de março, comparativamente ao que tivemos em junho do ano passado, então é fundamental que a população cumpra com o seu papel e ajude o poder público, que tem trabalhado incansavelmente para conter a doença”, ressaltou Edvaldo.

O governador do Estado, Belivaldo Chagas, reforçou o apelo do prefeito. “Cada um precisa fazer a sua parte. O Governo tem trabalhado, a Prefeitura também, mas a população precisa colaborar evitando aglomerações e usando máscara. Para se ter uma ideia, no mês de novembro, a nível estadual, registramos 102 óbitos. Em dezembro, foi para 176 e, dentro da projeção feita para os primeiros dias de janeiro, podemos ultrapassar a marca de 280 óbitos, só no primeiro mês do ano. Fechamos o dia de ontem com 347 pacientes internados, entre UTI e leitos de enfermaria. Então, volto a dizer: as pessoas precisam adotar medidas de biossegurança. Somente com a ajuda de todos conseguiremos sair desta situação”, enfatizou.

Vacinação

Na reunião foram abordados, ainda, os planos municipal e estadual de imunização contra a covid-19. Sobre o tema, o prefeito Edvaldo Nogueira ressaltou que Aracaju e o Estado “estão preparados para vacinar a população”.

“Toda a logística local já está montada, aguardando pela chegada da vacina. Estamos esperando, apenas, as definições do Governo Federal para que possamos operacionalizar.  Temos seringas, agulhas, temos espaço para armazenamento, tudo. Além disso, a Prefeitura de Aracaju, assim como o Governo do Estado, já assinou uma carta de intenções com o Instituto Butantan para a aquisição de 300 mil doses da vacina, mas este será o nosso plano B porque defendemos que o Governo Federal deve liderar o processo de imunização da população, como sempre ocorreu. Tão logo a decisão seja decretada, avançaremos porque temos capacidade”, salientou.

Foto: Ana Lícia Menezes

PMA