11/01/21 - 09:42:37

Prefeitura orienta sobre cuidados preventivos à covid-19 relacionados a crianças

Apesar de as crianças serem a faixa etária com menor incidência de contágio pelo coronavírus, já há casos confirmados e mortes desse segmento da população, inclusive na capital sergipana. De acordo com dados do Painel Covid, ferramenta criada pela Prefeitura de Aracaju para assegurar transparência nos dados quanto à evolução da doença no município, a cidade já registrou 3.099 casos de covid-19 na população com faixa etária entre 0 a 19 anos, o que representa 5,32% do total de casos.

O médico responsável pela pediatria da Rede de Urgência e Emergência da Secretaria da Saúde de Aracaju (SMS), William Barcelos, orienta quanto a alguns cuidados que devem ser tomados para evitar o contágio da doença pelos pequenos, principalmente em idades menores, que possuem contraindicação ao uso da máscara.

“Aquelas que têm mais de 2 anos e não se sentem incomodadas, o ideal é que use máscara. As menores, que se sentem incomodadas, tendendo a colocar mais a mão no rosto, o ideal é o isolamento social, evitar que a criança tenha convívio com pessoas que não sejam do ambiente familiar, focar também na parte de higienização de mãos e estar sempre orientando quanto ao risco de colocar a mão no rosto, na boca, para tentar diminuir as chances de infecção pelo vírus”, explica William Barcelos.

Dentre os casos citados nessa faixa etária, quatro óbitos foram registrados em Aracaju.  No entanto, por terem maior índice de manifestações assintomáticas, o cuidado com essa parcela da população acaba sendo negligenciado. Mas, de acordo com o pediatra da SMS, “a probabilidade é menor, mas não é 0, então, é preciso cuidar”, alerta.

Quando infectadas, as crianças, muitas vezes, não sabem que estão doentes e, por isso, passam despercebidas pela ótica dos pais e não chegam a ir para o hospital. Nesse caso, por não sentirem os efeitos do vírus, elas tornam-se potenciais vetores de transmissão. Assim, as medidas preventivas são importantes porque previnem não só os pequenos, mas também as pessoas ao seu redor.

Uma cartilha do Ministério da Saúde recomenda que pais expliquem às crianças a seriedade da situação e o que é o coronavírus. O documento recomenda ainda que os pais devem apresentar aos filhos as medidas necessárias para a sua proteção e de quem está próximo, como familiares, especialmente os que integram os chamados grupos de risco.

Atendimento

A rede municipal de Saúde dispõe de urgência pediátrica 24 horas no hospital municipal Fernando Franco, e também disponibiliza pediatria nas Unidades Básicas de Saúde. Para ter acesso, é preciso passar pelo médico generalista, o qual solicita a consulta. A marcação é regulada e o paciente é direcionado para Unidade de referência mais próxima da residência.

Fonte e foto SMS