05/02/21 - 00:39:59

Uma chapa bem alinhavada

Diógenes Brayner diogenesbrayner@gmail.com

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Luciano Bispo (MDB), surpreendeu, ontem, ao conceder entrevista ao radialista Narciso Machado. Talvez pela primeira vez tratou da questão sucessão estadual de 2022. Luciano é cuidadoso nisso, mas foi objetivo no que pensa. Acha que nem o governador Belivaldo Chagas (PSD) deveria deixar o Governo para disputar o Senado e nem o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) pensar em se desincompatibilizar da Prefeitura para tentar o Governo do Estado. Acha que os dois fazem um bom trabalho em Aracaju e em Sergipe.

Belivaldo até que já disse: “ninguém estaria imaginando que ele poderia disputar o Senado em 2022”. Na realidade foi um desabafo em razão da antecipação de candidaturas à sucessão estadual. O governador considerava (e era) cedo para tratar do assunto, inclusive porque atrapalhava o seu projeto administrativo para os dois últimos anos. A sua reação deu resultado: tanto que praticamente acabou o que se poderia considerar “pré-campanha”, de uma eleição que virá dentro de mais 13 meses.

Mas tem um porém: o governador Belivaldo Chagas não desfez a informação de que disputaria o Senado, porém deixa passar a impressão que esse não é o seu projeto político, o que pode acontecer mais adiante. Há tempo para tudo…

O prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) jamais declarou que ficaria à frente da Prefeitura só até o início do próximo ano, para disputar o Governo do Estado. O nome dele começou a ser citado por correligionários, aliados e pessoas do próprio grupo que o elegeu. Não se pode dizer, ainda, se ele seria ou não candidato a governador, mas se percebeu que ele acelerou as obras, anunciando outras e se fazendo presente a todas as solenidade que se referiam a novos projetos para o município. Teve um detalhe: Edvaldo não tirou um único segundo de férias, dando continuidade à sua gestão com toda agilidade de quem estava no final do mandato.

Não dá para desfazer a capacidade administrativa do prefeito de Aracaju e a vontade de mostrar trabalho, o que levou a se vislumbrar uma possível candidatura. Nada de errado, para quem precisar ser abrangente em sua estrutura política e chegar a municípios do interior através do trabalho que realiza na Capital. Não se pode dizer que houve um recuo, mas menor pressa em mostrar um dos melhores trabalhos que um prefeito já realizou em Aracaju.

Conversas de lideranças políticas que foram à Brasília esta semana, entre prefeitos de várias cidades do interior e parlamentares federais, ocorridas nas mesas de restaurantes e nas visitas a gabinetes, havia quase unanimidade de que os candidatos ao Governo, pela aliança liderada pelo governador Belivaldo Chagas (PSD), poderiam ser Ulices Andrade, absolutamente em silêncio sobre essa possibilidade, e o deputado federal Fábio Mitidieri (PSD), que deixa passar vontade de disputar a sucessão estadual em 2022.

Há um fato que circula em absoluto sigilo: a montagem de uma chapa que pode surpreender tanto pelo nome ao Governo, quanto de quem disputará o Senado. Pode-se dizer apenas que o vice citado deve ser o deputado estadual Luciano Bispo (MDB). Essa chapa já foi motivo de conversas bem reservadas e almoços. Será forte e deixa pouco espaço para a oposição. Um detalhe: prefeitos e parlamentares que estavam em Brasília deixaram claro que o governador Belivaldo Chagas não deve demorar muito para tratar sobre o assunto. A informação é que ele começará a falar disso entre os meses de julho e agosto.

Facultativo no carnaval

Faltava apenas ser oficializado o fim do ponto facultativo para o carnaval deste ano, tudo dentro da normalidade e funcionando como dia comum.

*** Ontem, o governador Belivaldo Chagas anunciou isso, depois de ouvir o Comitê e de avaliar outros Estados. Diante da pandemia a medida é necessária.

*** Algumas pessoas já haviam alugado casas em cidades do litoral baiano e alagoano, mas podem desistir porque lá também não será facultativo no carnaval.

Hotéis reivindicam

O setor de turismo reage ao fim do ponto facultativo em Sergipe e pede que ele seja mantido no carnaval. Mas a decisão no Estado não influencia no turismo durante o período.

*** É que não há nada que impeça os turistas de virem a Sergipe no carnaval, desde que seja ponto facultativo nos Estados em que eles residem e possam viajar.

*** O turismo depende do ponto facultativo em cidades como Salvador, Maceió, Recife e varias outras, que aproveitam para vir a Sergipe: “os turistas daqui viajam para outros Estados”.

Luciano sobre sucessão

O presidente da Alese, deputado Luciano Bispo (MDB), surpreendeu ontem, durante entrevista ao radialista Narciso Machado, da Fan que o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT), não seja candidato a governador em 2022.

*** Luciano foi mais adiante: sugeriu que o governador Belivaldo Chagas (PSD) não seja candidato ao Senado.

Decisão dos dois

Sobre a presença de Belivaldo no Governo, Luciano disse a Narciso que acha que ele faz um bom trabalho e sua permanência facilita a indicação do seu sucessor pelo Grupo.

*** Luciano, entretanto, deixa claro: “se Belivaldo for candidato eu vou apoiar”.

*** Aliás, Belivaldo já disse, há dois meses, que poderia sair para disputar o Senado, em entrevista a este colunista.

Só ele decide

Quanto a Edvaldo Nogueira não sair candidato, o deputado Luciano Bispo disse que ele é um gestor de “mão cheia e se tivesse a posição dele não sairia candidato a governador”.

*** – Mas a decisão é dele e sobre isso só ele decide…

Por falar em Sucessão

O nome de Luciano Bispo também é bem falado entre possíveis candidatos a majoritário. Aparece como provável vice em todas as possíveis chapas que sejam lançadas à sucessão estadual.

*** Nos bastidores mais profundos, está sendo discutida uma chapa em que o nome dele também aparece. Sempre bem cotado…

Marilia afronta o PT

A presidente nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann disse ontem à Folha que a deputada Marília Arraes (PT) afrontou a política interna do partido,

*** – A atitude da deputada rompe procedimentos estatutários do PT e isso terá que ser analisado em instâncias internas do partido, disse Gleisi.

*** O nome indicado pelo PT para a segunda secretaria da Mesa da Câmara era o do deputado João Daniel, mas Marília foi à eleita como candidata avulsa contra indicação partidária.

Laércio e candidatura

O deputado federal Laércio Oliveira (PP) disse ontem que não tentou cargo na Mesa da Câmara, porque o seu foco é ampliar o seu trabalho político e cuidar de entidades empresariais.

*** Diz claramente que quer ser candidato a governador em 2022 e acrescenta: “se der certo tudo bem, se não der vida que segue”.

*** Laércio permanece em Brasília e está preocupado com a aprovação imediata da Lei do Gás e do Fundo Nacional de Fertilizantes.

Estelionato eleitoral

O senador Alessandro Vieira (Cidadania) admitiu que seja possível discutir o tamanho da responsabilidade do governo Bolsonaro com relação às mais de 227 mil mortes por Covid, mas na caso da morte da Lava Jato, essa culpa é de 100%.

*** Acrescentou que “a maior operação de combate à corrupção do mundo não morreu de Covid. Morreu de estelionato eleitoral”.

A maior farsa

O senador Rogério Carvalho diz que “a Lava Jato entra para história do país como a maior farsa. Uma operação que se escondeu por trás do suposto combate à corrupção” para fins políticos”.

*** – O objetivo sempre foi impedir a candidatura de Lula em 2018. As mensagens entre Moro e procuradores provam isso!

Conversa muito

O Patriotas está conversando muito internamente. O presidente regional, Uezer Marquês, está preocupado em montar chapa para deputado estadual e federal.

*** Admite que a vereadora Emília Corrêa vá para federal ou dispute o Senado, defendendo uma majoritária, inclusive no bloco liderado pelo Governo.

Alessandro ao Governo

O senador Alessandro Vieira (Cidadania) viaja hoje a Propriá, junto a deputados e vereadores do partido, para encontro com prefeitos do Baixo São Francisco.

*** O objetivo é discutir questões políticas do Estado e revelar a posição do seu partido em relação a todos esses problemas.

*** Detalhe: Alessandro já avisou aos seus aliados que é candidato a governador, embora falte decisão do próprio Cidadania.

Tendência condena

A tendência petista Articulação de Esquerda, que tem à frente o professor Joel, mão gostou da participação do senador Rogério Carvalho como integrante da Mesa do Senado.

*** O pessoal da Articulação está esperando uma reunião do partido, para que Rogério explique porque participou de uma Mesa presidida por um senador vinculado a Bolsonaro.

Uma boa conversa

Nova estrutura – As tendências radicais do PT vão ter que se adaptar a uma nova estrutura política que não permite mais fixações ideológicas.

Ronaldo Ruffo – Sintam a diferença: Austrália coloca dois milhões de pessoas em lockdown após um caso novo de covid.

Recebe prefeitos – A senadora Maria do Carmo Alves (DEM), durante esta semana de votações no Senado, recebeu vários prefeitos de cidades do interior de Sergipe.

DCM Online – Farmacêutica que produz a ivermectina afirma que a droga não tem eficácia comprovada contra covid.

Marcelo Uchoa – Quê teme a mulher do Moro para pedir que decisão do Lewandowski retirando o sigilo dos diálogos clandestinos de seu cônjuge seja revogada?

De Maria – O Centrão vai governar de fato e Bolsonaro vai passar dois anos no picadeiro com a claque dele.

Deu na Folha – Presidente da Anvisa diz que vai tomar vacina contra Covid-19 e convida o presidente Jair Bolsonaro, que recusa.

DCM Online – Vladimir Netto prestou assessoria para Dallagnol, que mostrou intimidade com João Roberto Marinho, da Globo