Aracaju, 26 de fevereiro de 2024

Banco do Nordeste registra crescimento de 33% em crédito aplicado em Sergipe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
3cf106d103c87df8b02e4682c7f02ddalow

Pela primeira vez, o Banco do Nordeste atinge marca de R$ 3 bilhões em volume de crédito aplicado no estado. Destaque para valor investido em micro e pequenas empresas (MPE), que cresceu mais de 92,5%. Área rural registra ampliação de 36,1%.

O Banco do Nordeste aplicou mais de R$ 3 bilhões no setor produtivo de Sergipe, durante o ano de 2023. O resultado ultrapassa em mais de 33% o recorde registrado no ano anterior. Somente com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), o total é de R$ 2,3 bilhões em aplicações.

O principal destaque está relacionado ao segmento de micro e pequenas empresas (MPE), que registrou crescimento de 92,5% no volume de crédito, com total de R$ 454 milhões aplicados em mais de 2,3 mil operações. A área rural também obteve grande ampliação (+36,1%), com R$ 362 milhões aplicados em mais de 20 mil operações.

Com os programas de microcrédito, foram aplicados R$ 632,3 milhões no estado, sendo R$ 432,1 milhões pelo Crediamigo e R$ 200,2 milhões pelo programa de microcrédito rural (Agroamigo). Somados, os dois programas registram crescimento de R$ 4,9% no volume financiado.

No recorte por setor econômico, as empresas e empreendimentos de comércio e serviços se destacam com R$ 1,5 bilhão em aplicações (49%), seguidas dos setores agropecuário e da agroindústria, com R$ 948 milhões (31%). Em seguida, estão os setores da indústria, com R$ 328 milhões (11%), e da infraestrutura, com R$ 300 milhões (9%).

“Os recursos aplicados na economia revelam a força do empresário e do produtor rural de Sergipe, que têm buscado ainda mais crédito para financiar seus projetos. O novo recorde de aplicações mostra que a parceria com o Banco do Nordeste é um caminho consolidado para desenvolver as cadeias produtivas, ampliando a geração de emprego e de renda para os municípios sergipanos. Em 2023, todos os 75 municípios receberam crédito do nosso principal funding, o FNE”, disse o superintendente estadual do BNB, César Santana.

Fonte e foto BNB

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Leia também