Aracaju, 26 de setembro de 2021

Tenso com a situação ficando feia para o seu lado, o advogado diz que precisa ganhar o respeito do povo, da mesma forma que todos respeitavam o seu pai.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Afrânio (Rodrigo Santoro) está preocupado com a repercussão do incêndio no galpão de Ernesto(Rodrigo Lombardi). Ao saber que há muita gente do lado do capitão, Clemente (Julio Machado) tenta alertar o saruezinho: “Os cabra tão espalhado montâno guarda. Dotô se assossegue que aqui num vai entrá ninguém”.

Tenso com a situação ficando feia para o seu lado, o advogado diz que precisa ganhar o respeito do povo, da mesma forma que todos respeitavam o seu pai. No meio da prosa, Clemente conta como Jacinto (Tarcísio Meira) pretendia acabar com a indisposição que Ernesto estava criando entre o coronel e os fazendeiros: “Capitão tava c’osdia dele contado… Sorte dele foi coroné tê morrido antes das coisa se cumpri“.

O marido de Leonor (Marina Nery) fica surpreso: “Painho deu essa ordem?”. E o jagunço ainda complementa: “Vosso pai num era de fraquejá nessas hora… O véio sabia quando tinha que fazê, e fazia!”. O que será que Afrânio vai fazer ao descobrir o desejo de seu pai? Fique ligado em Velho Chico!

Fonte: globo.com

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Sergipe recebeu neste sábado 10.250 doses de vacina contra covid-19, da AstraZeneca
Polícia prende mulher que praticou roubo de motocicleta no Bugio
Enock Ribeiro, secretário Socorro, recebe Título de Cidadão Sergipano
Eliane participa reunião com articuladores do Selo UNICEF