Aracaju, 3 de agosto de 2021

Jackson precisa ter mais cuidado com projetos que manda para Alese, diz Ana

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A deputada petista, embora faça parte da base do governo na Alese, em muitos projetos, ela não tem votado com a bancada governista.

A deputada Ana Lúcia Menezes (PT), disse na manhã desta terça-feira (13), ao comentar sobre o projeto aprovado sobre o Ipesaúde, que o governador Jackson Barreto (PMDB), precisa ter mais cuidado com os projetos enviados à Assembleia Legislativa.

Ana Lúcia afirmou durante entrevista ao programa Jornal da Ilha, que votou contra o projeto de reestruturação do Ipesaúde, para não penalizar o servidor público. “Todos sabem que eu não voto contra os trabalhadores. O governador precisa ter mais cuidado com os projetos que envia para a Assembleia Legislativa”, afirma Ana.

A deputada falou ainda sobre a movimentação pelo processo de impeachment que a presidente Dilma Rousseff deve enfrentar no próximo domingo. Ana Lúcia afirma que “enquanto André Moura tem seis processos por corrupção, nada acontece. A operação Navalha aqui em Sergipe, faz seis anos e não acontece nada. Quanto a presidente Dilma, está claro que não tem crime de responsabilidade. Nesse processo de corrupção tem pessoas que ficaram milionárias”, explicou a deputada afirmando que ” os deputados que votarem no golpe serão avaliados pela sociedade. Eu lamento que a democracia do País esteja em risco”.

Ainda sobre o processo de impeachment, Ana Lúcia disse que foi no governo de Lula que os procuradores da República e a Policia Federal tiveram aumento de poder. “Os próprios procuradores da república disseram que foi no governo de Lula que tiveram mais autonomia, assim como foi na policia federal. O segundo mandato de Lula, foi o melhor dos últimos quinhentos anos”, afirmou a deputada Ana Lúcia.

Sobre as eleições municipais deste ano, Ana Lúcia disse que há dois nomes, um do PCdoB e do PMDB, mas que o PT deve optar por um partido de esquerda, nesse caso, o PCdoB, mas que também haverá outros nomes de esquerda e que isso ainda será discutido. Isso significa que o seu agrupamento ainda não decidiu quem irá apoiar.

As informações são dos radialistas Alex Carvalho, Jailton Santana e Magna Santana, no programa Jornal da Ilha.

Munir Darrage

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

SES registra 137 casos de Covid-19  e mais três óbitos na segunda
Prefeitura da Barra paga primeira parcela do auxílio emergencial
Após reforma, prefeitura reinaugura marco zero de Itabaianinha
Bebê nasce grávida: confira porque isso acontece e qual a solução