Aracaju, 27 de setembro de 2021

Obra da UBS do Bugio entra na reta final e população comemora (Foto: Ascom)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O acesso aos serviços de Saúde Publica é parte de um conjunto de direitos sociais que têm como objetivo primordial a igualdade entre as pessoas. No Brasil, foi reconhecido na Constituição Federal de 1988, antes disso o Estado apenas oferecia atendimento à saúde para trabalhadores com carteira assinada e suas famílias. Em seu artigo 196, a nossa Carta Magna assegura que a “Saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para a promoção, proteção e recuperação”.

Em Aracaju, esse direito tem sido ampliado para os cidadãos, seja a partir da ampliação e melhorias nos serviços oferecidos, seja através da construção de novas unidades médicas nos bairros. Mesmo em meio a uma das mais graves crises econômicas da História do Brasil, a Prefeitura de Aracaju investe na Rede Municipal de Saúde e, atualmente, aplica recursos na construção e reformas de Unidades Básicas de Saúde (UBSs) no Bugio, Ponto Novo e Suíssa.

No Bugio, a construção da primeira UBS entra na reta final e significará um dos mais importantes investimentos no poder público em beneficio da população daquele bairro. Orçada em cerca de R$ 960 mil, em recursos conveniados com o Governo Federal, a nova unidade de saúde vai garantir à população mais um local onde ela possa receber atendimento de saúde de pequena complexidade.

A nova UBS contará com consultórios médicos, consultórios odontológicos, salas de acolhimentos, de vacinas, aerossol, de curativo, compartimentos de administrativos, jardim e estacionamento, além do elevador para idosos e pessoas com deficiências para ter acesso ao segundo andar do prédio. Serão disponibilizados atendimentos básicos, consultas médicas, inalações, injeções, curativos, vacinas, coleta de exames laboratoriais, tratamento odontológico, encaminhamentos para especialidades e fornecimento de medicação básica.

Os moradores reconhecem o trabalho do Governo Municipal e já comemoram a proximidade da data da inauguração. O aposentado João Batista afirma que necessita constantemente de atendimento médico e, com a nova unidade próxima à sua casa, será bem mais cômodo. “Com certeza, vai melhorar bastante a nossa vida. E para quem é idoso, como é o meu caso, quanto mais perto de casa estiver um médico, melhor”, afirma o morador.

Industriário e morador do Bugio há mais de 30 anos, Valdésio Bernadino, também reconhece os benefícios imediatos para a sua comunidade. “Se perguntar aos oradores aqui do Bugio, a maioria esmagadora vai afirmar que umas das principais reivindicações era justamente um Posto Médico. Nunca fomos atendidos e até tínhamos perdido as esperanças, mas agora realmente fomos atendidos e será uma das melhores obras aqui de nosso bairro”, destaca.

Mães de seis filhos, Kátia de Jesus diz estar bastante satisfeita e ansiosa para usufruir de serviços médicos bem próximos a sua casa. “Será muito bom para nós mulheres e mães, pois diminuirá nossas dificuldades tanto para atendimentos para nós e para nossos filhos. A Prefeitura está de parabéns, somos muito gratos por esta obra”, agradece dona Kátia.

Da assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

A Voz do Brasil: Rádio se reinventa para atingir novos públicos
Agrese realiza audiência de mediação entre órgãos públicos
Com programação em dois eixos, Prefeitura amplia difusão cultural
Passeio ciclístico “Pedalando pela Vida” movimenta a Orla de Atalaia. O evento faz parte da programação do Setembro Verde