Aracaju, 17 de setembro de 2021

Prefeitura de Aracaju participa de seminário sobre gestão em saúde pública (Foto: SMS)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Programa Municipal de Saúde Bucal está presente no II Seminário de Odontologia na Saúde Pública de Sergipe, promovido pelo Conselho Regional de Odontologia (CRO). A abertura do evento, que acontece até esta sexta, foi realizada na manhã desta quinta-feira, 5, no auditório Padre Arnóbio de Melo – bloco D, da Universidade Tiradentes (Unit). A solenidade reuniu cerca de 200 pessoas, entre ondontólogos, auxiliares, deputados estaduais e federais, representantes do Ministério Público Estadual (MPE) e palestrantes. Todos engajados para discutir planos estratégicos que melhorem a gestão pública em Saúde no estado de Sergipe. Durante a abertura, o Núcleo de Projetos Inovadores (Nuprin) também participou do evento levando musicalidade com o “Sons no SUS”.

A responsável técnica do Programa de Saúde Bucal, Dra. Helena Santana, destacou que as políticas públicas e os processos de trabalho passam normalmente por evolução, e a realização de seminários como este é extremamente importante para avaliar e discutir as melhores formas de oferecer um serviço de qualidade para a população. “Qualquer tipo de planejamento deve surgir a partir de discussões com os envolvidos no processo de mudança. É isso que estamos fazendo. Reunindo profissionais, que atuam nos consultórios, gestores, estudiosos. Enfim, pessoas que certamente contribuíram na formulação de um plano estratégico para obtenção de uma gestão em saúde pública de qualidade”, afirmou.

O Presidente do Conselho Regional de Odontologia (CRO), Anderson Siqueira, reforçou a importância da parceria com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) na discussão para o desenvolvimento de políticas públicas eficientes. “É fundamental a participação da SMS em um evento que discute gestão pública em saúde, grande parte dos nossos odontólogos estão vinculados ao serviço público. Certamente que temos muitos obstáculos que precisam ser superados, mas já temos avançado bastante nos últimos anos, e contamos sempre com o apoio da Prefeitura de Aracaju”, destacou.

O responsável pela palestra inicial na manhã desta quinta-feira, 5, foi o Dr. Marco Manfredini, representante do CRO-SP. Durante sua fala, ele reforçou quais são as funções dos responsáveis técnicos. “São os cirurgiões dentistas, os responsabilizados pelos serviços públicos oferecidos à população. Portanto, é importante destacar qual o procedimento que cada um deve adotar durante sua rotina de trabalho. Nós, enquanto Sistema Conselhos (SC), temos defendido a ampliação do quadro de responsáveis técnicos, inclusive como um fator de melhoria da qualidade de vida da população e acreditamos que com a parceria se estreitando entre profissionais e gestores teremos as solicitações atendidas”, pontuou.

Para o dentista Marcelo Costa, que atende na Unidade de Saúde da Família (USF) Lauro Dantas, a participação dos profissionais neste tipo de discussão otimiza o profissional e possibilita maior entendimento de como funciona o Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: AAN

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Hospital Cirurgia realiza ação para comemorar Dia Mundial da Segurança do Paciente
Preço médio do óleo diesel segue em alta no início do mês de setembro e litro se aproxima de R$ 5,00, aponta Ticket Log
Sergipe mantém vacinação dos adolescentes de 12 a 17 anos, priorizando portadores comorbidades
Município e Estado se reúnem para definir regras de retomada de público nos estádios