06/05/16 - 15:34:06

Valadares Filho entrega cargos do PSB e Jackson lamenta a forma de saída

O deputado federal Valadares Filho (PSB) esteve com o governador Jackson Barreto (PMDB), nesta sexta-feira (06), para entregar-lhe uma carta em que dispensava todos os cargos indicados pelo partido e que exerciam atividades no Estado. Com o gesto, o PSB se afasta da base aliada e Valadares Filho mantém sua précampanha à Prefeitura de Aracaju, independente da escolha do nome a ser indicado pelo Governo.

Com a entrega da carta se desligando da base aliada, o deputado Valadares Filho ficará livre para fazer as composições que considerar necessárias, buscando outras legendas que, inclusive, integram o arco de aliança, e outras que estão na oposição, como é o caso do PSC, com o qual tem mantido contatos com lideranças do grupo.

Como aconteceu – Antes de entregar a carta, em audiência anterior, ainda nesta sexta-feira, ao lado do seu colega Fábio Mitidieri (PSD) e do deputado estadual Luis Mitidieri (PSD), o deputado Valadares Filho conversou com o governador sobre a saída da base aliada, mas foi contido por seus aliados Fábio e Luis (pai e filho), que consideraram uma precipitação o gesto do parlamentar, em razão de ainda ter tempo para um entendimento sobre candidaturas do bloco.

O governador Jackson Barreto também tentou minizar a situação em favor do grupo que o apóia, alegando que ainda era muito cedo para esse tipo de reação. No primeiro encontro, Valadares Filho recuou, mas uma horas depois retornou ao Palácio de Veraneio, já sem as companhias dos Mitidieri, e entregou a carta em que pedia a exoneração dos cargos do partido no Estado e se desligando da base aliada.

O governador Jackson Barreto se surpreendeu, porque o assunto já estava contornado, mas o deputado voltou para entregar a carta, sequer assinada, e o fez no corredor do Palácio de Verraneio. JB considerou o gesto lamentável de Valadares Filho e disse que “isso revela que ele pensa pela cabeça do pai, senador Antônio Carlos Valadares (PSB).

_ Isso também mostra que se amanhã ele assumir a Prefeitura de Aracaju ou qualquer outro mandato do Executivo, quem vai governar é o pai. A dedução é de que ele aceitou ponderaçoes minhas e de Fábio e Luis Mitidieri, mas quando chegou em casa o senador mandou ele voltar e entregar a carta se desligando da base aliada, concluiu Jackson Barreto.

O deputado federal Valadares Filho (PSB) explica que só retornou uma hora depois, porque estava refletindo sobre a audiência que tivera com o governador Jackson Barreto, ao lado de Luiz Mitidieri e Fábio Mitidieri: “entreguei a carta respeitosamente”, disse e que isso não significa rompimento. Disse que seu pai, senador Valadares (PSB), se encontra em Brasília e só tomou conhecimento da entrega da carta “através de um telefonema que lhe passei”.

Adianta que o seu colega Fábio Mitidieri tinha conhecimento de que ele retornaria para entregar a carta e se desligar da Base Aliada.