Aracaju, 4 de agosto de 2021

“O PT humilha, menospreza e passa por cima do governador”, afirma vereador

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Por:     Viviane Cavalcante

O presidente da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), Vinicius Porto (DEM)  chamou a atenção dos colegas para observarem e refletirem como os partidos políticos, aliados do governador, Jackson Barreto Filho (PMDB),  têm o tratado. ” O PT humilha, menospreza e passa por cima do governador como se fosse um trator”, constatou Porto, reportando-se ao processo político eleitoral, onde PCdoB e PT costuram uma aliança, sem ao menos ouvir o chefe do Executivo estadual.

No entender Porto, os partidos aliados estão menosprezando a importância política de Jackson Barreto. “Todo mundo sabe o que o PT quer. Eles (os petistas) afirmam que apoiarão candidato de um partido que tem como líder, o  presidente interino da República Michel Temer.  “O que os petistas estão dizendo é que não querem o apoio do partido do governado Jackson Barreto, pois o PMDB tem um presidente da República que o PT considera golpista”, analisou.

Para o presidente da Câmara, PSB, PSD e PCdoB também fazem parte do leque de partidos dos que não dão mais importância à figura política de Jackson. “O governador que já foi prefeito de Aracaju e deputado federal merece respeito”, defendeu o democrata, acrescentando que o ex-prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) afirmou que era o pré-candidato a prefeito do governador, sem ao menos ter conversado com ele. “Quem tem que anunciar quem é o candidato é o próprio governador”, afirmou.

Na sua avaliação, todo esse processo de desrepeito e humilhação vem se fortalecendo pelo fato de o governador já ter anunciado que não pretende mais participar das disputas políticas. “Entendo que o governador deve se manifestar e responder a esses partidos que estão trabalhando para cortar as suas pernas”, cobrou Porto.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Turismo é o setor que mais se digitalizou durante a pandemia
Belivaldo prorroga auxílio Cartão Mais Inclusão Emergencial e cria o Pró-Sertão Bacia Leiteira
Transferência de dinheiro da Saúde para conta pessoal: “Valor chega a quase R$ 200 mil”, diz vereador Ricardo Marques
Deputado questiona insucesso de ações de sindicatos no TJ de Sergipe