Aracaju, 1 de agosto de 2021

Vacina contra a gripe continua disponível nas Unidades de Saúde (Foto ascom SMS)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe teve início no último dia 30 de abril e foi finalizada no último dia 20 de maio. Mas as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, ainda podem procurar a Unidade de Saúde da Família (USF) mais próxima para serem imunizadas. Até o momento,96.737 doses foram aplicadas, o que corresponde a 85,38% do público-alvo.

Segundo a coordenadora de Vigilância Epidemiológica (Covepi) da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Raulinna Gomes, apesar da vacinação ter alcançado uma boa cobertura, cerca de 15% da população prioritária ainda precisam ser vacinados. “Esses grupos recebem a vacina porque são mais vulneráveis à complicações da doença. Então é importante reforçar que é necessário tomar a vacina. Nossa cobertura geral de vacinação ultrapassou a meta que estabelecemos, que é de atingir 80% das 125 mil pessoas que fazem parte do grupo prioritário. Hoje, já temos 85,38% dessa população imunizada, mas em sua grande maioria idosos. Portanto, muitas gestantes e crianças ainda precisam comparecer à unidade para tomar a vacina”, reforçou.

A coordenadora da Rede de Atenção Primária (REAP), Ana Elizabete, informou que as pessoas que comparecerem a sua USF de referência e não encontrarem doses da vacina disponível podem se dirigir para outra unidade.

Aracaju tem como grupo prioritário: crianças de 6 meses a menores de 5 anos, doentes crônicos, idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, gestantes e puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto). Também recebem a vacina, a população privada de liberdade e os trabalhadores do sistema prisional.

As crianças a partir de 6 meses que nunca foram imunizadas contra a Influenza precisam receber duas doses da vacina, com intervalo de 30 dias entre elas. Aquelas crianças que foram vacinadas o ano passado só recebem uma dose este ano.  A vacina é segura e só não pode ser aplicada em pessoas que tenham alergia a ovo ou que estejam com febre no momento da imunização.

Fonte: SMS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Policiais do Tático prendem suspeito de tráfico no Santa Maria
Boletim do coronavírus em Aracaju: 198 casos e nenhum óbito
Nenhuma aposta acertou as seis dezenas do concurso 2.395 da Mega
Prefeitos e lideranças aprovam “união” de André Moura e Fábio Mitidieri