30/12/16 - 06:57:36

90% das obras de esgotamento sanitário em Itabaiana estão concluídas (Foto: Edinaldo Nascimento)

Mais de 90% das obras de drenagem e esgotamento sanitário em Itabaiana, realizadas pelo Governo do Estado, por meio do Programa Águas de Sergipe, estão concluídas. Coordenadas pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), as obras estão dentro do prazo do cronograma estipulado e deverão ser entregues em breve, beneficiando a população itabaianense.

Nesta quinta-feira, 29, pela manhã, o secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Olivier Chagas, visitou as obras junto a empresários, técnicos da Semarh e líderes de entidades representativas, com o objetivo de acompanhar o andamento e prestar contas à população.

Com o investimento estimado de R$ 70 milhões em Itabaiana, o Programa Águas de Sergipe visa intervenções importantes, como a implantação da rede de esgotamento sanitário da SUB-Bacia A e implantação da rede de drenagem – Bacias críticas; aquisição de equipamentos para recuperação e otimização do sistema de águas do agreste; obras de reconversão da irrigação parcelar dos perímetros de Jacarecica I e Ribeira; recuperação de áreas degradadas; estudo de perda na distribuição de água potável; painel de segurança em barragens e estudos de EIA-Rima para o aterro sanitário.

As obras de esgotamento e drenagem darão cobertura a quase 100% do saneamento básico de Itabaiana, evitando inundações na sede da cidade, fazendo com que não só o esgoto seja tratado, mas que também haja a despoluição do Açude da Marcela, que atende a região. A obra, orçada em R$ 22,4 milhões, promove coleta de esgotos no centro de Itabaiana, que conta com rede implantada.

Para o secretário Olivier Chagas, os principais objetivos da visita giram em torno de dar retorno à sociedade e prestar contas. “A perspectiva nossa aqui é das melhores, daqui a dois meses pretendemos estar funcionando e fazendo com que comece o processo de despoluição do Açude. A partir do momento em que você acaba com a causa da poluição, começa a eliminar o problema, porque assim estamos combatendo os problemas pela raiz”, afirmou.

A estação é uma parte da obra, no centro da cidade tem outra construção, o sistema de canalização que está sob o chão, ou seja, é uma obra grande que vai casar com outra obra que a Semarh pretende realizar que é a macro de drenagem da cidade. Apesar de ser uma obra que não se mostra porque acontece debaixo do chão, trata-se de uma ação grandiosa que vai beneficiar a população Itabaianense de forma substancial. Quem faz esta afirmação é o engenheiro e diretor da Construtora Heca, Alexandre Prata.

“Em relação à obra, é possível que entreguemos até antes do cronograma previsto, quando estará apta para receber todo o esgoto da cidade. Isso é um marco, pois conheço e sei que Itabaiana passou anos recebendo obras de esgoto, mas sem a questão do tratamento, e com a estação temos a possibilidade de tratamento e de interligar as futuras ampliações e investimentos em Itabaiana”, informou Alexandre.

ASN