Aracaju, 3 de dezembro de 2021

DILSON DE AGRIPINO NÃO ATENDE RECOMENDAÇÃO DO MP E PODE PAGAR MULTA

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O deputado estadual e candidato a prefeito de Tobias Barreto, Dilson de Agripino, teve a carreata agendada para esta quarta-feira, (21), barrada por determinação judicial.

Os candidatos do município já haviam sido comunicados de que não poderiam realizar atos que promovessem aglomeração de pessoas, por conta da pandemia do novo coronavírus.

As informações são de que o candidato descumpriu a recomendação e agendou o evento. O Ministério Público entrou com uma ação em pedido de urgência e conseguiu barrar a carreata, fazendo cumprir a determinação e as medidas sanitárias tão necessárias no momento.

Em sua decisão, a magistrada diz que “defiro  a  tutela  de  urgência requerida,  para  o  fim  de  proibir  o candidato Adilson de Agripino e os representantes da Coligação Tobias de Novo nas mãos do Povo” de realizarem a MINI CARREATA agendada para o dia 21/10/2020, às 19h, bem como qualquer outro evento eleitoral que cause aglomeração de pessoas no município de Tobias Barreto, sob pena de multa diária no valor de R$ 100.000,00 (cem mil reais), autorizando desde já, uso de força policial, em caso de necessidade”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

24 mil disputam uma vaga no concurso público da Câmara Municipal de Aracaju no domingo
Instituto Mariana Moura leva crianças para o Natal Iluminado
CER IV se consolida como Centro de Referência em Serviços à população com deficiência no Estado
Corrida de rua altera trânsito na Orla da Atalaia neste sábado