Aracaju, 4 de agosto de 2021

Justiça determina soltura de motorista que provocou atropelamento que matou ciclista

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Justiça  concedeu alvará de soltura para o motorista que provocou o acidente que causou a morte do ciclista André Rodrigues Espinola, 45 anos, no dia 20 de julho, na Avenida Inácio Barbosa, Zona Sul de Aracaju. O condutor, Mário Chiachiaretta Neto, estava embriagado e foi preso em flagrante.

Ele teve a sua prisão preventiva revogada nesta terça-feira (10), pelo juiz Icaro Tavares Cardoso, da 8ª  Vara Criminal de Aracaju. A prisão fica convertida em medidas cautelares. São elas:

Comparecer mensalmente em juízo para informar e justificar suas atividades;

Não manter contato com pessoa arrolada como testemunha nesta ação, devendo o acusado dela permanecer distante;

Não se ausentar da Comarca de Aracaju, sem autorização judicial, por mais de oito dias

Recolher-se em seu domicílio nos dias de folga e, nos dias úteis, das 20h às 06h;

Submeter-se à monitoração eletrônica;

Fica suspensa a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

Deve ser aplicada a monitoração eletrônica, pelo prazo de 120 dias, sujeito a prorrogação. Se não houver tornozeleira eletrônica disponível, fica dispensado o seu uso.

O acusado deve manter o endereço atualizado.

O descumprimento de quaisquer das medidas impostas pode provocar a conversão em prisão preventiva.

Entenda o caso

Na noite do acidente, de acordo com informações colhidas pela polícia no momento da ocorrência, o carro do suspeito primeiro atingiu outro veículo e depois o ciclista. O automóvel atingido capotou várias vezes, mas os ocupantes não tiveram lesões graves. Já o ciclista foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas morreu a caminho do hospital.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Pablo Sanábio chora ao lembrar da chegada da filha durante gravação de ‘Sob Pressão’
Bruna Marquezine faz aniversário e ganha homenagens: “Você é o próprio paraíso”
Thales Bretas fala de 3 meses da morte de Paulo Gustavo: “Vácuo na vida”
Justiça condena um dos quatro acusados de matar três homens dentro de hospital em Aracaju