Aracaju, 4 de agosto de 2021

TRANSIÇÃO NAS PREFEITURAS: TCE DETERMINA REPASSES DE INFORMAÇÕES E DOCUMENTOS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Passadas 48h após a proclamação do resultado oficial das eleições, os prefeitos sergipanos em seu último ano de mandato devem designar servidores incumbidos de repassar informações e documentos a uma Comissão de Transição.

A determinação consta na Resolução nº 338, do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), que trata das transições de governo no âmbito do Estado de Sergipe, já observados os desdobramentos legais decorrentes da pandemia da Covid-19.

Os servidores a serem designados pelo gestor atual devem integrar os setores de Controle Interno, Finanças, Saúde, Educação, Administração e Previdência – caso a localidade possua Regime Próprio de Previdência Social.

Já a Comissão de Transição, ainda conforme a norma do TCE, deve ser indicada pelo candidato eleito, “para que esta possa se inteirar do funcionamento dos órgãos e das entidades da administração e preparar os atos de iniciativa da nova gestão”.

A Resolução nº 338 foi aprovada pelo colegiado do TCE/SE no último dia 1º de outubro, após propositura do conselheiro presidente, Luiz Augusto Ribeiro.

“Já tínhamos uma Resolução na Casa sobre as regras de transição, mas resolvemos ajusta-la à atual realidade para que as transições de governo nas prefeituras sergipanas ocorram com tranquilidade”, observou presidente do TCE.

“Fizemos uma análise da Resolução até então vigente e ajustamos à atual realidade para que as transições de governo nas prefeituras sergipanas ocorram com tranquilidade”, observa o presidente do TCE.

Por DICOM/TCE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Pablo Sanábio chora ao lembrar da chegada da filha durante gravação de ‘Sob Pressão’
Bruna Marquezine faz aniversário e ganha homenagens: “Você é o próprio paraíso”
Thales Bretas fala de 3 meses da morte de Paulo Gustavo: “Vácuo na vida”
Justiça condena um dos quatro acusados de matar três homens dentro de hospital em Aracaju