Aracaju, 4 de agosto de 2021

REFIS: POPULAÇÃO TEM ATÉ DIA 30 PARA PEDIR PARCELAMENTO DE DÉBITOS MUNICIPAIS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Os cidadãos aracajuanos, sejam pessoas físicas ou jurídicas, que possuem débitos com o município e querem regularizá-los com descontos e menos burocracia, podem aderir ao Programa de Refinanciamento de Dívidas (Refis) até o dia 30 de novembro. A iniciativa foi disponibilizada pela Prefeitura de Aracaju junto ao pacote de ações do Plano de Estímulo à Atividade Econômica e à Geração de Emprego e Renda, o +Aju, cuja ideia é direcionar investimentos para diversas áreas, como turismo e obras, mas também recuperar os tributos municipais.

Ou seja, o objetivo do Refis é auxiliar contribuintes com o parcelamento de dívidas e a retirada de multas e juros, possibilitando a regularização fiscal do cidadão e de empresas. Para isso, basta escolher uma as formas de adesão ao programa, que pode ser feita on-line, no endereço https://fazenda.aracaju.se.gov.br/#/publica/contribuinte/servicos, ou pelo atendimento na Semfaz, que pode ser agendado, pelo telefone 3179-1100, ou no próprio site Secretaria.

Para solicitar o agendamento, é preciso se cadastrar. Para isso, basta acessar a aba “agendamento”, analisar o calendário disponibilizado, escolher o serviço e marcar a hora. A recomendação é que a pessoa chegue com 15 minutos de antecedência à sede do órgão. Já a modalidade inteiramente on-line é a mais recomendada em virtude da pandemia.

“A adesão ao serviço via internet é o processo que consideramos ideal, pois é a maneira de assegurar tanto o distanciamento social, tão necessário por causa da pandemia, quanto um maior conforto ao cidadão, uma vez que ele deixa de se submeter às filas do atendimento presencial”, justifica o assessor extraordinário para Assuntos Técnicos e Administrativos da Semfaz, Márcio Porto.

Além disso, de acordo com Márcio, realizar o processo via internet é simples. Primeiro, é necessário acessar o portal da Semfaz, https://fazenda.aracaju.se.gov.br/#/publica/contribuinte/servicos e acionar o botão “Domicílio Eletrônico”. Então, buscar pela opção “Cadastrar-se”. Após preencher os campos, uma mensagem institucional de verificação será enviada ao e-mail disponibilizado.

Pagamentos

Uma vez cadastrado no sistema, é possível logar e acessar uma ampla variedade de serviços, entre eles, ao lado esquerdo da tela, a “Consulta de Débito”. Neste espaço, é possível conhecer a situação de inadimplência em relação à administração municipal. Ao clicar no débito, logo aparecerá a opção de aderir ao Refis, escolhendo o método de pagamento, se à vista ou parcelado, bem como os valores negociados.

Márcio lembra que o pagamento à vista garante o abatimento total de juros e multas por atraso. Para quem optar pelo parcelamento, o valor mínimo de cada parcela para pessoa física é de R$ 100 e para jurídica, R$ 200. Mas não há uma predefinição, é o contribuinte que negocia no momento que adere ao programa. Além disso, há um abatimento na ordem de 90% nos juros e multas.

Após escolher o método de quitação da dívida, as informações são remetidas, via e-mail, aos técnicos da Semfaz, que gerarão em resposta o Termo de Aceitação e o Documento de Arrecadação Municipal (DAM). Estima-se que o Refis terá uma adesão de até 20 mil contribuintes.

Foto: Silvio Rocha

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Pablo Sanábio chora ao lembrar da chegada da filha durante gravação de ‘Sob Pressão’
Bruna Marquezine faz aniversário e ganha homenagens: “Você é o próprio paraíso”
Thales Bretas fala de 3 meses da morte de Paulo Gustavo: “Vácuo na vida”
Justiça condena um dos quatro acusados de matar três homens dentro de hospital em Aracaju