Aracaju, 31 de julho de 2021

Catalisa ICT está com inscrições abertas. Programa seleciona cerca de mil pesquisas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Sebrae, por meio do programa Catalisa ICT, está selecionando em torno de mil pesquisas acadêmicas com potencial de se transformarem em negócios inovadores para participar de capacitação gratuita e concorrer, na etapa seguinte do programa, a apoio técnico e financeiro de até R$ 150 mil, incluindo recursos de bolsas de pesquisa e custeio

O Catalisa está com inscrições abertas até o dia 21 de fevereiro. Todas as informações sobre o programa e como se inscrever podem ser encontradas no site www.sebrae.com.br. Para participar, é necessário ser mestre ou doutor titulados, com diplomas reconhecidos no Brasil, bem como mestrandos e doutorandos em instituições brasileiras.

Os pesquisadores selecionados vão participar de uma capacitação online com foco no desenvolvimento de atitude empreendedora. Além de aprender sobre gestão da inovação e modelos de negócios, também vão adquirir conhecimentos na área de prospecção tecnológica e participar de mentorias com profissionais de mercado.

Nesta etapa do programa, os pesquisadores receberão, também, suporte técnico para elaborar os planos de inovação que poderão ser submetidos a um segundo edital, previsto para maio deste ano.

Mais de 200 projetos selecionados

A meta do Sebrae é selecionar 270 planos de inovação, que serão implementados em até 12 meses. Ao final dessa etapa, os pesquisadores deverão formalizar a sua empresa de base tecnológica, para participar do terceiro edital, quando serão selecionados 135 projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I).

Esses pequenos negócios formalizados, com DNA tecnológico, vão participar da quarta etapa do programa, quando terão a oportunidade de ter contato com investidores e se aproximar de empresas e potenciais parceiros.

A jornada completa do Catalisa ICT deve durar em torno de três a quatro anos. Os pesquisadores que não forem selecionados no segundo edital, e não avançarem para as etapas seguintes, ainda terão a oportunidade de participar de projetos de inovação de micro e pequenas empresas, como capital humano qualificado, para ajudá-los a avançar em suas inovações.

Foto assessoria

Por Wellington Amarante

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Belivaldo assina Ordem de Serviço da  etapa 2ª do Canal Remanso
Quinto dia de greve conta com caminhada e apitaço em Maruim
Belivaldo elogia trabalho de André e diz que Edvaldo foi feliz na parceria 
Motoristas de carro fumacê são capacitados pela Funesa