Aracaju, 1 de agosto de 2021

PC anuncia implantação de DAGV na Barra dos Coqueiros e em São Cristóvão

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) é um importante aliado no enfrentamento à violência doméstica em Sergipe; Em breve, a atuação da unidade especializada será ampliada para as cidades de Barra dos Coqueiros e São Cristóvão. Assim, o DAGV, que, além da capital, também possui uma unidade em Nossa Senhora do Socorro, estará presente nos quatro municípios que formam a Região Metropolitana de Aracaju. As novas unidades serão implantadas em parceria entre a Secretaria da Segurança Pública (SSP), a Polícia Civil e as prefeituras municipais.

A coordenadora das delegacias da capital, delegada Rosana Freitas, destacou que a implantação das novas unidades do DAGV faz parte do planejamento estratégico da Polícia Civil no combate à violência em razão de gênero em Sergipe. “O combate à violência contra a mulher é uma prioridade da Polícia Civil há muitos anos. Cada vez mais temos nos empenhado para que essa proteção ocorra de forma efetiva e mais ampla”, ressaltou.

Rosana Freitas explicou que as unidades que serão implantadas em mais duas cidades da Região Metropolitana são fruto do empenho da Polícia Civil, da SSP e dos entes municipais no fornecimento de atendimento especializado às vítimas de violência contra a mulher. “Estamos empreendendo esforços, juntamente com as prefeituras da Barra dos Coqueiros e de São Cristóvão, no sentido de implantar duas unidades especializadas nas respectivas cidades para que essas mulheres tenham cada vez mais um atendimento especializado, humanizado e adequado”, reiterou.

Além da Grande Aracaju, as vítimas de violência doméstica também contam com unidades especializadas em outros municípios, no interior sergipano. “Há ações também no sentido de ampliar a atuação dos núcleos ou unidades especializadas no interior do estado. Já temos unidades funcionando em algumas delegacias regionais e há no planejamento da SSP para ampliar esses núcleos em outros municípios e dar cada vez mais prioridade ao combate à violência que tanto aflige as instituições envolvidas com segurança pública”, reforçou Rosana Freitas.

A coordenadora das delegacias da capital relembrou que o enfrentamento à violência em razão de gênero segue firme neste Dia Internacional da Mulher. “A violência de gênero vem, infelizmente, agregada com o protagonismo que as mulheres vêm exercendo ao longo dos anos. O dia 8 de março celebra a mulher, pois nós, mulheres, estamos protagonizando ações em todos os campos, inclusive na polícia, que foi uma instituição muito mais marcada pela presença masculina e que agora encontra espaço de sensibilidade por meio das mulheres”, rememorou.

A diretora do DAGV, delegada Mariana Diniz, enfatizou que Sergipe tem avançado cada vez mais na atuação das forças de segurança no combate à violência doméstica e incentivou que as vítimas sempre procurem a polícia para o registro da ocorrência. “Hoje é um dia de convite à reflexão. Ainda convivemos em uma sociedade machista e misógina, e precisamos garantir o direito de igualdade. A todas as mulheres eu digo que exijam que sejam respeitadas. E se estiverem sendo violadas em seu direito, que denunciem. A denúncia é uma grande arma contra a violência”, focalizou.

Ela concluiu mencionando que as ações da segurança pública vão além do combate à violência contra a mulher, mas também abrangem a valorização do protagonismo delas nas mais diversas áreas profissionais. “O trabalho que está sendo feito pela Polícia Civil valoriza não só a mulher enquanto vítima, mas a mulher enquanto protagonista de ações e de mudança de perspectiva numa sociedade que, historicamente, considerada machista, mas que estamos caminhando e encontrando espaço para uma mudança cultural para uma sociedade mais igualitária”, assinalou Rosana Freitas.

Fonte e foto SSP

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Belivaldo assina Ordem de Serviço da  etapa 2ª do Canal Remanso
Quinto dia de greve conta com caminhada e apitaço em Maruim
Belivaldo elogia trabalho de André e diz que Edvaldo foi feliz na parceria 
Motoristas de carro fumacê são capacitados pela Funesa