Aracaju, 4 de agosto de 2021

Imunização de idosos de 76 e 77 anos começa nesta terça-feira em Aracaju

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Aracaju ampliará a atual fase da campanha de vacinação contra a covid-19. A partir desta terça-feira, 9, os idosos que têm 76 e 77 anos já poderão ser vacinados. Para tomar a primeira dose do imunizante, a população desta faixa etária poderá se dirigir a uma das 40 Unidades Básicas de Saúde disponibilizadas pelo município ou ao posto itinerante, instalado no Parque Governador Augusto Franco (Sementeira). Até o momento, foram vacinados na capital sergipana mais de 10 mil idosos. Ao todo, a cidade contabiliza 28.456 pessoas imunizadas – o que inclui os profissionais de saúde – contra o novo coronavírus, desde o início do Plano Municipal de Vacinação.

“É com muita alegria que comunico que ampliaremos a campanha de vacinação contra o coronavírus e que, a partir desta terça-feira, estaremos imunizando, também, os idosos com idade de 76 e 77 anos. É a Prefeitura de Aracaju trabalhando para vacinar o mais rapidamente possível a população. Assim como tenho dito, à medida em que vamos recebendo novas doses de vacinas, vamos avançando com a nossa campanha. Sabemos vacinar. Precisamos apenas que o governo federal nos envie mais doses”, destacou o prefeito, ao anunciar, nesta segunda-feira, 8, a nova etapa da campanha em suas redes sociais.

Edvaldo lembrou também que aqueles que optarem pela vacinação no drive-thru, devem se cadastrar no site da Prefeitura. “O cadastro no Portal da Vacina é fundamental. Somente com o código de validação, emitido após cadastramento, é possível ter acesso às dependências do parque. Além disso, temos 40 unidades de saúde à disposição de todos. No caso da UBS, basta apresentar a documentação na recepção”, detalhou o gestor.

O prefeito reforçou ainda o apelo, para que a população continue respeitando as medidas de biossegurança. “Mesmo quem já tomou a vacina, é preciso continuar se cuidando. Vamos continuar mantendo o distanciamento social, usando a máscara, entre outras medidas fundamentais para vencer esta doença. O número de contaminados tem crescido de forma assustadora em nosso país e só há três remédios que possam combatê-lo: a vacina, o distanciamento social e a higienização”, frisou Edvaldo.

Fonte e foto AAN

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Deputado questiona insucesso de ações de sindicatos no TJ/SE
Incêndio destrói galpão de fábrica de tecidos no município de Tobias Barreto
Sistema Fecomércio presta consultoria às empresas sobre LGPD
SES diz que Sergipe vai receber mais de 41 mil doses de vacina contra a Covid-19