Aracaju, 4 de agosto de 2021

Não há colapso na rede privada, como alertou empresário, mas hospitais dizem que a Covid agora atinge os jovens

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Não há colapso na rede privada de Aracaju para atendimento a pacientes do Covid-19. A diretoria do Hospital Primavera informou, na noite deste sábado (13), que tem condições de atender a pacientes – tanto na UTI quanto na enfermagem – inclusive com a abertura de novos leitos.

Também há atendimento no Hospital São Lucas, que estará usando a emergência enquanto aguarda vaga na UTI. A reclamação do São Lucas é em relação ao atendimento. Um dos médicos acha que a administração da Rede D’or, que hoje é proprietária do São Lucas, acha que houve relaxamento.

Uma das preocupações da direção do Primavera é que a Covid-19 agora atinge mais diretamente a pessoas jovens, com idades entre 25 e 40 anos e acrescentou que a maioria dos leitos de UTI do hospital vem sendo ocupado por pacientes nesse nível de idade.

Segundo ainda um dos médicos do Primavera, “estamos percebendo que a vacinação dos idosos já começa a revelar uma redução de contaminação entre os mais velhos, ao tempo que atinge aos mais jovens”. Admite que essa elevação do Covid decorra dos festejos de final de ano e, especialmente, do carnaval.

O presidente municipal do Partido Liberal, empresário Milton Andrade, disse neste sábado (13), através do twitter, “que a rede privada colapsou e não há mais vagas”. Segundo um dos médicos. “O alerta de Milton Andrade é importante, para que as pessoas comecem a repensar no comportamento social durante este período”.

Milton Andrade admitiu que a informação de colapso na rede privada “serve para que pessoas que possuem plano de saúde procurem à rede pública, que também não suportará. Vamos fazer nossa parte, ficar em casa e esperar esse caos todo passar. Tudo se recupera, a vida não”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Turismo é o setor que mais se digitalizou durante a pandemia
Belivaldo prorroga auxílio Cartão Mais Inclusão Emergencial e cria o Pró-Sertão Bacia Leiteira
Transferência de dinheiro da Saúde para conta pessoal: “Valor chega a quase R$ 200 mil”, diz vereador Ricardo Marques
Deputado questiona insucesso de ações de sindicatos no TJ de Sergipe