17/03/21 - 10:30:06

ARACAJU 166 ANOS: MESMO COM DESAFIOS DA PANDEMIA, HÁ MUITO PARA COMEMORAR

Do encontro do rio com o mar, às margens do Sergipe e banhada pelo Atlântico, nas paragens ao redor da capela dedicada a Santo Antônio, nasceu Aracaju. No início, uma pequena vila de pescadores, hoje, a capital que se expande a perder de vista, mas que, mesmo com todo o crescimento, continua a ser conhecida como “a pequena”, por todos os filhos da terra que por ela têm carinho.

Neste 17 de março, Aracaju completa 166 anos, data que marca a transferência da capital de São Cristóvão para o litoral, mudança que se deu visando melhores condições para escoar a produção e para facilitar o acesso a Sergipe. Com a mudança, o pequeno povoado se fez cidade, a segunda capital planejada do Brasil, com centro em formato de tabuleiro de xadrez, um charme moderno e fresco, com vista para os coqueirais na outra margem do rio.

Atualmente, com mais de 665 mil habitantes, Aracaju é uma cidade acolhedora, com ruas e monumentos cheios de história e que se destaca no cenário nacional como uma cidade limpa, organizada, com praias tranquilas, para descansar e aproveitar o mar, comendo um caranguejo com vinagrete ou o bom amendoim cozido, patrimônio imaterial dos sergipanos.

Todos os anos, o aniversário da cidade era marcado por extensa programação, organizada pela Prefeitura de Aracaju. No entanto, por causa da pandemia do coronavírus, que assola todo o mundo, as comemorações este ano serão em casa.

Isso não tira, contudo, a alegria de viver na capital sergipana, pois mesmo diante dos desafios impostos pela crise sanitária, que não são poucos, há motivos para comemorar, principalmente para fortalecer as ações de zelo e cuidado coletivo para que, juntos, possamos sair dessa.

O prefeito Edvaldo Nogueira conta que comemorar o aniversário de Aracaju é sempre muito especial, “por despertar um olhar sobre o futuro, ao mesmo tempo em que nos faz refletir sobre o trabalho que foi desenvolvido por todos aqueles que aqui passaram, dando suas contribuições para que nossa cidade chegasse aos 166 anos com uma beleza e aconchego tão peculiares”, avalia.

“Aracaju é referência como capital planejada do nosso país e sempre foi a locomotiva do nosso estado. É uma cidade próspera, bem cuidada, de um povo honesto e trabalhador. Por tudo o que nossa cidade representa, é motivo de muito orgulho para mim, estar à frente dela, como prefeito, mais uma vez, neste dia”, expressa Edvaldo.

Nutrir esperanças

O prefeito considera que as incertezas provocadas pela covid-19 e os avanços da doença depois de mais um ano de pandemia têm causado estragos sem precedentes no nosso país e no mundo. Por isso, considera importante para todos os aracajuanos olhar para este aniversário como uma data que nos traz esperança por dias melhores.

Para Edvaldo, enfrentar a pandemia é o maior desafio já vivenciado por ele enquanto gestor de Aracaju. “Estamos, há um ano, trabalhando de maneira incansável para conter a propagação da doença e salvar vidas. Mas não nos deixamos abater. Seguimos firmes, empenhados e certos de que venceremos. Especialmente neste momento, trabalho, fé e esperança caminham lado a lado”, destaca.

Pelo segundo ano consecutivo, as comemorações públicas estão suspensas, e o aniversário de 166 anos não será marcado pela celebração que a data exige. “No entanto, isso não significa que deixaremos de comemorar. Juntos, em nossas casas, celebraremos agradecendo pela vida e, sobretudo, somaremos nossas forças para continuar dando respostas efetivas no enfrentamento à pandemia”, reforça Edvaldo.

Fonte e foto AAN