21/03/21 - 08:47:41

Proporcionalmente, Aracaju já vacinou mais que a média brasileira, até o momento

Neste sábado, 20, a Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), deu seguimento à faixa de ampliação da vacinação contra covid-19 e seguiu a imunização de idosos de 74 anos, além dos profissionais de saúde. Até o momento, Aracaju figura entre as capitais que mais vacinou no país, proporcionalmente ao índice populacional e, percentualmente, supera os números gerais do Estado (4,41%) e até do País (5,43%). Somente hoje, na capital sergipana, foram vacinados 302 idosos e 272 profissionais de saúde, chegando a um total de 41.715 pessoas imunizadas, o que representa 6,27% da população.

Uma das razões que faz com que a Aracaju esteja com esse desempenho positivo é o planejamento executado mesmo antes das primeiras doses de vacina chegarem à cidade, em janeiro deste ano. Com a expertise e a organização necessária, a Prefeitura tem conseguido manter o ritmo otimizado, de acordo com o número de doses de imunizantes que é encaminhado pelo Governo Federal, como ressaltou a secretária municipal da Saúde, Waneska Barboza.

“A população tem respondido ao chamado pela vacinação e tem encontrado locais estruturados para ofertar a vacina. Além do drive, temos as unidades bem estabelecidas e equipes preparadas para receber aqueles que fazem parte do público alvo, no momento.  Além disso, criamos apoios para algumas unidades que têm maior fluxo, como escolas, igrejas, associações, tudo com o objetivo de dar maior conforto às pessoas. São essas estratégias que têm feito com que a vacinação aconteça com bastante fluidez em Aracaju. Quando a gente libera uma idade, em no máximo dois dias conseguimos imunizar a maior parte dos idosos daquela faixa-etária. Se tiver a vacina, a gente consegue avançar rapidamente”, enfatiza a secretária.

No dia de hoje, a vacina para os idosos foi ofertada no drive-thru e nas UBSs Augusto Franco (no conjunto Augusto Franco), Francisco Fonseca (no bairro Dezoito do Forte) e Edézio Vieira de Melo (bairro Siqueira Campos). Já os profissionais de saúde tiveram como opção o drive-thru.

Imunizados

Na UBS Augusto Franco, dona Maria Félix recebeu a vacina com a esperança de que dias melhores possam vir.

“Estava aguardando essa vacina há muito tempo. Cada dia que passava, vendo as notícias tristes, ficava mais ansiosa. Graças a Deus, hoje, pude tomar a vacina e, agora, poderei cuidar ainda mais da minha saúde, pelo menos estou mais tranquila”, afirma dona Maria Félix.

Na Francisco Fonseca, outra das tantas Marias também foi imunizada, a dona Maria Dias, que, neste sábado completou os 74 anos.

“A gente fica até sem palavras. A gente espera e espera e, enfim, pode ser vacinada. No dia que eu vi o avião descer com as vacinas, chorei como criança, fiquei muito emocionada. É como se estivesse tudo perdido e chegou uma luz. Confesso que não imaginei que fosse receber a vacina, agora, achava que seria mais pra frente, mas cá estou, imunizada. Não tinha presente de aniversário melhor do que esse”, conta ao deixar rolar as lágrimas de alegria.

O senhor José Silveira se dirigiu à UBS Edézio Vieira de Melo para ser imunizado.

“A sensação é de alívio e de esperança. Essa vacina veio para trazer a saúde, por isso, quando divulgaram a data da vacina, tratei de me organizar para tomar logo. Com saúde não se brinca e vacina é para o bem de todos”, frisa José.

Continuação

Em continuação à vacinação da faixa etária, os idosos de 73 anos serão vacinados na segunda e terça-feira, dias 22 e 23. Eles poderão se deslocar tanto para o drive-thru, no Parque da Sementeira, quanto para as 40 Unidades Básicas de Saúde. Já os profissionais de saúde terão a Escola Municipal Presidente Vargas, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Fonte e foto assessoria