23/03/21 - 07:52:11

O tabu do transporte coletivo

Por Adiberto de Souza *

Ganha uma mariola de goiaba quem desvendar o tabu do transporte coletivo da Grande Aracaju. Entra prefeito e sai prefeito sem que se trate de forma transparente a relação entre o poder público e as empresas de ônibus. Um bom exemplo disso é o atual gestor Edvaldo Nogueira (PDT). Desde 2006, quando substituiu o então prefeito Marcelo Déda (PT), de saudosa memória, o pedetista promete fazer a licitação do transporte coletivo, só que até agora neca de pitibiriba. Aliás, despertou a atenção de muita gente o silêncio sepulcral de Nogueira durante os recentes protestos dos rodoviários, que resultaram na paralisação do sistema por alguns dias. Essa falta de transparência no trato de um tema tão caro à população tem provocado reclamações de vereadores da oposição. Apesar dos protestos oposicionistas, contudo, o administrador ainda não se dispôs em colocar as cartas na mesa, abrir o jogo sobre o que impede a Prefeitura de exigir das empresas de ônibus a prestação de um serviço digno a quem paga os olhos das cara para ser transportado em fedorentas latas de sardinhas. Misericórdia!

A coisa tá feia

Em Sergipe já tem gente morrendo de convid-19 dentro de casa. A grave revelação foi feita, ontem, pelo governador Belivaldo Chagas (PSD). Segundo ele, tem chegado corpos no Serviço de Verificação de Óbitos de Aracaju de vítimas do vírus que morreram em suas casas, antes de receberem assistência médica. A explicação para tal fato é que muita gente confunde o coronavírus com uma gripe forte, além de se recusar a procurar ajuda com medo do resultado positivo. Lastimável!

Projeto sancionado

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), sancionou o projeto de lei classificando a visão monocular como deficiência. De autoria do senador Rogério Carvalho (PT), a propositura garante a quem enxerga com apenas um olho os mesmos benefícios das pessoas com deficiência. Também assegura a oferta de prótese de olho pelo Sistema Único de Saúde. Segundo Rogério, que tem visão monocular desde o nascimento, a partir de agora há “um novo horizonte para milhares de brasileiros”. Legal mesmo!

Grana para vacina

E o deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) está propondo que a bancada de Sergipe apresente emendas ao Orçamento da União para a compra de vacinas contra a covid-19. Segundo ele, se cada um dos 11 parlamentares colocarem uma emenda no valor de R$ 9 milhões, Sergipe teria R$ 99 milhões para comprar imunizantes contra o coronavírus. “Acho importante propor essa iniciativa, porém muito mais importante é o apoio e a adesão de toda a bancada”, discurso Mitidieri. Então, tá!

Reitor abençoado

O ministro da Educação, pastor Milton Ribeiro, empossou o professor Valter Joviniano de Santana Filho como o novo reitor da Universidade Federal de Sergipe. Embora tenha sido o mais votado da lista tríplice, Joviniano só conseguiu o cargo graças aos pedidos feitos ao ministro pelos pastores Heleno Silva e Jony Marcos – ambos do Republicanos. Quer dizer, para se galgar uma função pública nesse país é mais fácil quando se tem o apoio de partidos do famigerado Centrão e a bênção da Igreja Universal do Reino de Deus. Desconjuro!

Cadê o dinheiro?

Donos de caminhões-pipa promoveram, ontem, uma manifestação em Carira contra a demora do governo federal em pagar pelos serviços prestados por eles. Também condenaram a suspensão da Operação Carro-Pipa, que deixou desabastecidas 37 mil pessoas no semiárido de Sergipe. A operação, que é coordenada pelo Exército, foi suspensa, há um mês, porque o Ministério do Desenvolvimento Regional deixou de repassar os recursos para pagar aos donos dos caminhões-pipa. Sacanagem!

Irmãos siameses

E o ex-deputado federal Mendonça Prado (PDT) desconfia que PT e PSDB estarão no mesmo palanque em 2022. Segundo ele, planejando derrotar o presidente Jair Bolsonaro, “próceres do PT e do PSDB iniciaram uma aproximação. Os partidos que se enfrentaram nos últimos tempos, aos poucos se transformam para se tornarem irmãos siameses”, fustiga. Parece até que Mendoncinha esqueceu que ele mesmo teve o maior arranca-rabo com o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) e depois se juntou ao desafeto para desfilarem de mãos dadas pelas ruas de Aracaju na última campanha eleitoral. Crendeuspai!

Contra o veto

O senador Alessandro Vieira (Cidadania) defende a derrubada do veto do presidente Jair Bolsonaro ao projeto de lei prevendo o repasse de R$ 3,5 bilhões da União para garantir internet de qualidade a estudantes e professores das escolas públicas. O governo alegou uma questão técnica para vetar a propositura. “Estamos falando de cerca de 18 milhões de estudantes pobres e de 1,6 milhão de professores excluídos da educação”, discursa Alessandro. Certíssimo!

Cão sem dono

A continuar fazendo tolices uma trás da outra, brevemente o capitão de pijama se transformará num inexpressivo soldadinho de chumbo. Pelo andar da carruagem, o “mito” vai acabar virando num cão sem dono, que todos querem escorraçá-lo. Não duvidem se, na campanha eleitoral de 2022, os próprios políticos de extrema direita queiram vê-lo longe de seus palanques. Portanto, caso o atabalhoado inquilino do Palácio do Planalto insista em não se comportar como presidente da República, terminará o mandato – se terminar – como a rainha da Inglaterra, que reina, mas não governa. Misericórdia!

Novo sergipano

Sergipe acaba de ganhar mais um filho: é o empresário alagoano Silvio Celso de Lira Pessoa. Por indicação do deputado estadual Zezinho Sobral (Pode), Sílvio foi agraciado com o título de cidadão sergipano em solenidade realizada, ontem, na Assembleia. Nascido em Arapiraca, o homenageado atua há 10 anos no mercado sergipano, pilotando quatro empresas distribuidoras de mercadorias, que geram de mais de mil empregos diretos. Supimpa!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano Folha da Manhã, em 30 de abril de 1938.

* É editor do Portal Destaquenotícias