25/03/21 - 15:14:43

Ação afere temperatura corporal de comerciantes do mercado Virgínia Franco

Nesta quinta-feira, 25, a Prefeitura de Aracaju realiza uma nova ação de monitoramento por meio de aferição da temperatura corporal em permissionários do Mercado Maria Virgínia Leite Franco, no Centro da capital. Coordenado pela Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), o procedimento integra a lista das diligências adotadas pelo município, desde o início da pandemia, para evitar a disseminação do coronavírus entre os frequentadores do espaço, um dos maiores e mais movimentados deste tipo na cidade.

A mobilização teve início na quarta (24) e segue pelos próximos dias, de modo a atender os comerciantes de todos os setores. “Em casos onde haja a detecção de um possível quadro de febre, as equipes da Emsurb prestam os devidos esclarecimentos aos permissionários, incluindo a recomendação para o afastamento das atividades”, informou o  coordenador do espaço, Nivaldo Mota.

“Como a área do mercado é grande, o procedimento está sendo feito, diariamente, adotando-se uma separação por setor. Temos alguns comerciantes afastados por conta da Covid-19 e, com isso, a gestão municipal, entre outras medidas, efetua este trabalho com o objetivo de gerar maior segurança aos permissionários e clientes, no que diz respeito ao controle da pandemia”, pontuou o presidente da Emsurb, Luiz Roberto Dantas.

Feirante há 34 anos, Conceição Lima da Silva contou que o trabalho de aferição, assim como os demais cuidados colocados em prática pela Prefeitura de Aracaju no Virgínia Franco, oferece mais tranquilidade para quem está, diariamente, no local. “Sem sombra de dúvidas, são ações de extrema importância e que deixam a gente mais seguro no dia a dia. Tenho fé em Deus que essa situação irá passar logo”, afirmou ela.

A permissionária Miriam Batista parabenizou a mobilização e reforçou ser papel de todos o enfrentamento ao vírus. “Estou muita satisfeita com mais esse trabalho da Prefeitura. Quem por ventura apresentar febre ou algum outro sintoma da doença, precisa ser consciente, se afastar e procurar ajuda médica. Não podemos esquecer que derrotar esse vírus também depende da população”, comentou a vendedora de frutas.

Logo após ter a temperatura do corpo aferida, dona Maria Lúcia não apenas elogiou as medidas sanitárias promovidas pela gestão municipal, como ainda afirmou, orgulhosa, seguir à risca as recomendações. “Esta é com certeza uma ação de extrema necessidade e que gera maior segurança para os feirantes e nossos clientes. Aqui na minha banca procuro sempre usar a máscara e o álcool em gel”, contou a comerciante.

Demais iniciativas

Tão logo surgiram os primeiros impactos da pandemia na capital sergipana, a empresa municipal, com o objetivo de reduzir a disseminação do novo coronavírus entre permissionários e consumidores, promoveu diversas readequações nos mercados centrais e setoriais (bairros), tendo em vista o cumprimento das medidas preventivas repassadas pelos órgãos de saúde.

Assim, nestes locais, a Prefeitura instalou placas com informações sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, além de estabelecer critérios que atendem às normas de higienização e distanciamento social, tais como a instalação de disciplinadores, controle do fluxo de pessoas, disponibilização de álcool em gel, entre outros.

Fonte e foto Emsurb