25/03/21 - 12:56:46

Claudia Raia quer saber: como você se imagina daqui 30 anos?A pergunta surgiu a partir de uma entrevista antiga da atriz

Vou explicar a minha curiosidade. Foi mais ou menos essa pergunta que respondi em uma entrevista quando eu tinha 24 anos. A internet é um backup das nossas histórias, né? E foi ela que me permitiu relembrar esse momento. No vídeo que encontrei daquela época, a jovem Claudia respondeu: “Péssima (e todo mundo riu). Péssima. Você imagina… Se hoje aos 24 eu já tenho essa quantidade de problema, você imagina daqui 30 anos. Eu vou estar destruída, acabada. Eu não sei, vou ter que casar com um cirurgião plástico”. São exatos 30 anos que separam essa resposta da Claudia de hoje. E eu tenho um grande prazer em dizer que eu, aos 24, não poderia estar mais errada. Com essa resposta, pelo menos, dá para ver que vocação de profeta eu não tenho!

Trinta anos se passaram e eu digo com toda certeza que hoje, olhando para trás, eu não gostaria de voltar a ter aqueles 24 anos. Valorizo demais tudo que aprendi, os caminhos que trilhei e onde estou agora, aos 54 anos. O primeiro ato da minha vida foi maravilhoso, o que só me deixa muito animada para o que vem por aí no segundo ato.

Não é fácil abraçar o nosso processo de amadurecimento, especialmente em uma sociedade que cultua a juventude, como se ela fosse a única época da vida possível para ser criativa, namorar, casar, ser bem sucedida no trabalho… Nossa, me deu até um cansaço. E olha a pressão que a gente coloca nessa fase da vida. Talvez seja por isso que a gente queira viver tudo e mais um pouco com essa idade. Ah, se a gente soubesse que depois as coisas só melhoram, que a maturidade nos dá muito mais consciência de nós, dos nossos desejos… Talvez a gente desacelerasse um pouco e aproveitasse mais a jornada.

Pode ser difícil abraçar o processo, mas não é impossível. E quando a gente entende e abraça a nossa idade, faz as pazes consigo mesma, tudo fica mais leve. Você entende que pode tudo: usar a roupa que quiser, o cabelo que quiser, maquiagem que quiser. A gente entende que pode se cuidar, seja escolhendo tratamentos estéticos, seja adotando rituais de bem-estar… Vamos abraçar a idade e usar os recursos que temos a nosso favor, para que nosso corpo acompanhe esse processo em potência máxima. Isso não é negar a idade que tem. Isso é fazer o melhor que podemos com os recursos que temos respeitando nossos corpos. Não quero ter 24 anos de novo. Quero ser a melhor Claudia que posso ser aos 54!

Fonte/Foto; globo.com