Aracaju, 1 de agosto de 2021

Com toque de recolher, transporte coletivo tem horário especial de funcionamento

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Com a prorrogação das medidas restritivas em Aracaju para conter a transmissão do novo coronavírus, e a ampliação do horário do toque de recolher aos finais de semana, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) adequou o serviço do transporte público a horários especiais de funcionamento levando em conta fatores como a necessidade do isolamento da população e, ao mesmo tempo, a garantia de deslocamento para trabalhadores de serviços essenciais.

Até o dia 31 de março, prazo final do decreto com medidas restritivas, incluindo o toque de recolher, 100% da frota do transporte público está em circulação de segunda a quinta-feira. Já a partir das 20h, quando começa o toque de recolher, o transporte público está operando com a frota reduzida até as 22h. A partir desse horário, o serviço é suspenso, incluindo o fechamento dos terminais de integração.

Às sextas-feiras, sábados e domingos, com a antecipação do início do toque de recolher, conforme decreto, o número de veículos circulando será reduzido às 18h, quando estará proibida a circulação de pessoas pela cidade. Às 21h, o serviço será suspenso e os terminais de integração, fechados.

Desafios do transporte público na pandemia

De acordo com o superintendente da SMTT, Renato Telles, há um grande esforço da gestão municipal para otimizar a oferta do transporte público neste período.

“É um desafio comum a todas as cidades brasileiras de médio e grande porte, e em Aracaju não é diferente. Mas não estamos parados. Temos monitorado o comportamento do transporte em tempo integral, solicitando reforço nas linhas com maior demanda em horários de pico. Também temos colaboradores organizando o embarque e desembarque de passageiros nos terminais de integração e desde o início da pandemia reforçamos os protocolos de higienização dos veículos e instalamos recipientes com álcool em todos os terminais”, ressalta.

O superintendente municipal também faz um apelo à sociedade. “Estamos enfrentando uma situação totalmente atípica. Precisamos da colaboração de todos. Por isso, pedimos que os cidadãos utilizem o sistema de transporte público apenas em casos de extrema necessidade para que haja o isolamento social necessário à redução da transmissão do novo coronavírus na nossa cidade”, disse o superintendente.

Outras medidas

A SMTT também manterá os estacionamentos da Praia da Cinelândia bloqueados até o fim do decreto e vai reforçar a fiscalização no litoral da capital aos sábados, domingos e feriados, quando o acesso de banhistas é proibido nas praias da cidade. A Área de Proteção à Prática do Ciclismo (APPC), na avenida Santos Dumont, também seguirá suspensa até o dia 3 de abril.

Fonte e foto assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Belivaldo assina Ordem de Serviço da  etapa 2ª do Canal Remanso
Quinto dia de greve conta com caminhada e apitaço em Maruim
Belivaldo elogia trabalho de André e diz que Edvaldo foi feliz na parceria 
Motoristas de carro fumacê são capacitados pela Funesa