Aracaju, 3 de agosto de 2021

DOCENTES DA UFS APROVAM INDICATIVO DE GREVE SANITÁRIA CONTRA AULA PRESENCIAL

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Expressando que a defesa da vida e da saúde deve ser a prioridade no atual momento do país, os docentes da Universidade Federal de Sergipe, em Assembleia Geral na manhã da última sexta (16), aprovaram, por unanimidade, o indicativo de Greve Sanitária caso haja alguma determinação para retorno às aulas presenciais durante o grave período de pandemia.

É importante destacar que Greve Sanitária não significa a interrupção das atividades laborais, mas a continuidade da realização no formato remoto, como forma de proteção às vidas de todas as pessoas que circulam pela UFS.

Na Assembleia, a categoria repudiou a aprovação, na terça-feira (13), do regime de urgência do Projeto de Lei 5595/2020 pela Câmara dos Deputados. Pelo PL, fica proibida a suspensão das atividades educacionais em formato presencial nas escolas e universidades durante a pandemia.

“Não iremos colaborar com o genocídio”, frisou o professor Romero Venâncio, presidente da ADUFS, ressaltando que o PL coloca em risco a vida de docentes, estudantes, técnico-administrativos e suas famílias.

Além do indicativo de Greve Sanitária, as professoras e professores da UFS aprovaram a elaboração de uma carta direcionada aos deputados federais de Sergipe, expondo os perigos de aprovação do PL 5595, e o envio de um documento ao CONEPE.

Vale mencionar que a aprovação do indicativo de Greve Sanitária caso seja determinado o retorno presencial é uma ação articulada pela categoria docente em todo o país.

Desde fevereiro deste ano, quando o Ministério da Educação iniciou movimentações pela volta das aulas presenciais, que professoras e professores de diferentes partes do país têm aprovado essa possibilidade, a exemplo dos docentes da UFES, UFRGS, FURG, UESPI, UFLA, UFAM.

Por Paulo Victor Melo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Ana Patricia/Rebeca caem para dupla suíça. Brasileiras fizeram jogo equilibrado
Felipe Franco está namorando jogadora de vôlei: “Tenho uma nova força”
Martine Grael e Kahena Kunze conquistam a medalha de ouro na vela
Alison dos Santos conquista bronze nos 400m com barreiras nas Olimpíadas de Tóquio