22/04/21 - 08:23:37

Estão esquecendo Belivaldo

Por Adiberto de Souza *

E quem disse que o governador Belivaldo Chagas (PSD) não disputará as eleições de 2022? Pois é, ninguém que se aventura em analisar o próximo pleito arrisca um palpite sobre o futuro do pessedista. Até parece que ele está impedido de se candidatar ou já anunciou o desejo de não participar da próxima refrega eleitoral. Belivaldo, um animal político por excelência, pode muito bem querer disputar uma cadeira no Senado, na Câmara Federal ou mesmo na Assembleia. Por que não? Até Jackson Barreto (MDB), que jurou diante da cruz ir para casa após o fim do governo, deu meia volta e tentou se eleger senador. Lembram? Ademais, a hipótese de Chagas ir às urnas em 2022 ganhou força depois de a Justiça ter jogado na lata do lixo os processos contra Lula (PT). Amigo do ex-presidente e aliado dos petistas sergipanos, Belivaldo tem todo o direito – e muito cacife eleitoral – de querer participar do time de candidatos governistas a ser montado sob sua coordenação. Não esqueçam que quem parte, reparte e não fica com a melhor parte ou é tolo ou não tem arte. Marminino!

CPI não sai

Quer apostar uma mariola de goiaba como a Assembleia não instala uma CPI da covid-19? Autor do requerimento propondo a investigação sobre o uso dos recursos federais, o deputado Georgeo Passos (Cidadania) tem corrido coxia atrás de assinaturas para endossar o documento. Até agora, porém, só conseguiu os jamegões dele e de outros quatro gatos pingados. Ainda faltam três rubricas, que dificilmente chegarão ao papel timbrado do cidadanista. Pelo visto, a oposição sergipana terá que se contentar em assistir pela TV a CPI do Senado, aberta com o mesmo objetivo. Crendeuspai!

Conta não fecha

Embora tenha votado favorável ao Auxílio Municipal Emergencial de R$ 200 criado pela Prefeitura de Aracaju, a vereadora Ângela Melo (PT) compara o benefício a uma agulha no palheiro. E ela está certa: O adjutório concebido pela gestão pedetista alcançará apenas 5 mil famílias, das 37 mil que vivem em situação de pobreza ou extrema pobreza. A professora Ângela quer saber quais critérios serão utilizados para que uma família receba os R$ 200 e outra, em situação semelhante, fique a ver navios? Com a palavra o prefeito Edvaldo Nogueira. Misericórdia!

Canal de Xingó

O ministro Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional, estará em Sergipe, amanhã, para assinar a ordem de serviço visando o início do Canal de Xingó. Orçado em R$ 2,3 bilhões, o projeto prevê a construção de canal aberto, com tomada de água no lago de Paulo Afonso (BA) e quatro reservatórios para fornecimento de água a dezenas de comunidades no percurso de 114,55 quilômetros até chegar em Poço Redondo (SE). Presença confirmada na comitiva do ministro, o deputado federal Bosco Costa (PL) acha que, finalmente, este tão sonhado empreendimento sairá do papel. “Meu entusiasmo vem do fato de o governo federal ter como meta não deixar obras paralisadas”, revela. Então, tá!

Farra custeada

O turismo de Aracaju ganhou um generoso espaço na revista Piauí. A divulgação de nossas belezas, em plena pandeia, foi motivada por fotos e comentários elogiosos da sargento do Exército, Marcelle Silvério Marques. A simpática aproveitou a viagem que o presidente Jair Bolsonaro fez a Sergipe e comemorou seu aniversário de 33 anos, na Praia do Mosqueiro. Tudo bancado pelo rico dinheirinho do contribuinte. A militar faz parte do Escalão Avançado, equipe precursora que prepara o esquema de segurança nos locais visitados pelo presidente. Quem pode, pode!

Avaliando a pandemia

O Comitê Técnico-Científico de Sergipe avalia, hoje, se afrouxa ou mantém as medidas restritivas visando conter a pandemia da covid-19. Antes, o governador Belivaldo Chagas (PSD) se reúne, por videoconferência, com os prefeitos sergipanos. O objetivo do encontro é discutir sobre e o enfrentamento do coronavírus no estado. A expectativa é que o toque de recolher das 22h às 5h seja mantido em Sergipe por mais alguns dias. Aguardemos, portanto!

Estranho silêncio

Até agora, o governo de Sergipe não deu um pio sequer sobre a greve crise enfrentada pela fábrica de calçados do Grupo Priority, localizada em Nossa Senhora Aparecida. Para se manter aberta, a indústria reduziu em 50% os salários dos cerca de 200 empregados. Após conversar com os operários, o deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) disse que existe o risco de a fábrica fechar a qualquer momento. Alguém sabe o motivo do silêncio sepulcral da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia? Home vôte!

Apareceu a Margarida

Após notinhas aqui e acolá dando conta do sumiço da vice-prefeita de Aracaju, Katarina Feitoza (PSD), a distinta deu as caras num abrigo mantido pela municipalidade. Fez bem, pois as línguas ferinas já estavam espalhando que a moça tinha sido colocada de escanteio pelo prefeito Edvaldo Nogueira (PDT). Que aleive! Segundo Katarina, sua visita ao abrigo localizado na periferia objetivou “conhecer a fundo o serviço prestado à população”. Ah, bom!

Fuleiragem da UFS

A Universidade Federal de Sergipe está sendo acusada de pressionar os coitados dos empregados terceirizados para trabalharem presencialmente nos campi da instituição. E olha que, devido a pandemia, as atividades presenciais estão suspensas na UFS desde abril de 2020. Segundo denúncia do Sintufs – sindicato dos servidores -, por possuírem vínculo mais precarizado com a universidade, o pessoal da limpeza e da jardinagem “é o primeiro a ser queimado no fogo da injustiça”. Sacanagem, né não?

Maconha de graça, na praça

Calma gente, essa fantasia está acontecendo bem longe daqui. Em Nova York, ativistas pela legalização da maconha organizaram o movimento “um baseado por uma vacina”. Cada pessoa que se imuniza contra a covid-19, ganha um cigarro da mais pura Cannabis. Vixe! A ideia dos malucos é comemorar a legalização da maconha recreativa naquele estado norte-americano e apoiar a campanha de vacinação contra o coronavírus. Para receber o mimo em praça pública, basta apresentar a carteirinha de vacinação. Ulalá!

Recorte de jornal

Publicado no jornal Correio de Aracaju, em 13 de janeiro de 1930.

* É editor do Portal Destaquenotícias