Aracaju, 27 de setembro de 2021

PMA MANTÉM AS MEDIDAS RESTRITIVAS E ESCALONAMENTO ATIVIDADES

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O prefeito Edvaldo Nogueira reuniu, na tarde desta quinta-feira, 29, o Comitê de Operações Emergenciais (COE) para tratar sobre as medidas de enfrentamento à covid-19 em Aracaju. No encontro, em que foram estabelecidas as determinações do novo decreto municipal, de número 6.445/2021, ficou definido que a capital prorrogará, até 13 de maio, o toque de recolher, das 22h às 5h, assim como o escalonamento das atividades comerciais durante a semana. Até a data, também permanece proibido o funcionamento de todos os serviços não-essenciais aos fins de semana.

O comitê também deliberou sobre o retorno das aulas presenciais nas unidades de ensino das redes privada e pública da capital. Seguindo o decreto estadual, as escolas particulares poderão funcionar a partir do dia 10 de maio, para os 1º e 2º anos do Ensino Fundamental. Nas instituições de ensino superior, as aulas também estarão autorizadas a retornar na mesma data, mas somente para aqueles que estão no último período letivo. Já em relação às escolas públicas municipais, o tema será discutido na próxima semana em nova reunião do COE.

Com a manutenção do escalonamento das atividades econômicas, os estabelecimentos localizados no Centro da cidade – incluindo os serviços não-essenciais – continuam com funcionamento das 9h às 19h. Shoppings centers, centros comerciais, galerias, lojas de departamento e o comércio nos bairros abrirão das 10h às 20h. Supermercados, minimercados e congêneres também continuam funcionando das 8h às 20h.

O mesmo ocorre com os mercados municipais, que permanecem abertos das 6h às 15h. O atendimento em instituições bancárias e órgãos municipais com prestação de serviços não-essenciais também seguirá das 9h às 15h. Em conformidade com a resolução estadual, fica mantido, ainda, a restrição de circulação de pessoas e realização de atividades econômicas nas praias, orlas, parques e praças nos finais de semana. Também permanece proibida a prática de atividades esportivas coletivas aos sábados e domingos na cidade.

“Ainda temos índices muito elevados de ocupação das UTIs e de novos casos, o que estabelece a necessidade de manutenção das medidas restritivas. Mantemos o decreto da mesma maneira. Continuaremos com o toque de recolher, com o fechamento das atividades não-essenciais aos sábados, domingos e feriados, e também manteremos todas as medidas de distanciamento social. As mudanças são apenas com relação ao retorno das aulas nas escolas particulares, nos 1º e 2º anos do Ensino Fundamental, a partir do dia 10, e dos cursos superiores que estão nos últimos períodos, também permitidos a retornarem nesta data”, destacou Edvaldo.

Ao anunciar a manutenção das medidas restritivas, o prefeito também pediu à população “que continue respeitando as medidas estabelecidas nos decretos municipal e estadual”. “A doença teve uma estabilização nas últimas duas semanas, mas ainda temos um número elevado de pessoas contaminadas, o que exige de todos um grande envolvimento. Somente juntos poderemos derrotar o coronavírus”, reforçou.

Fonte: AAN

Foto André Moreira

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

A Voz do Brasil: Rádio se reinventa para atingir novos públicos
Agrese realiza audiência de mediação entre órgãos públicos
Com programação em dois eixos, Prefeitura amplia difusão cultural
Passeio ciclístico “Pedalando pela Vida” movimenta a Orla de Atalaia. O evento faz parte da programação do Setembro Verde