05/05/21 - 10:40:49

Saúde conscientiza a população para o uso racional de medicamentos

Os riscos à saúde ocasionados pelo uso indiscriminado de medicamentos e automedicação são lembrados nesta quarta-feira, 5, quando é celebrado o Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos. Com isso, a Secretaria de Estado da Saúde De Sergipe (SES) através da data ressalta a importância da conscientização sobre o tema e de criar um alerta a população acerca do problema.

A Coordenadora Estadual da Assistência Farmacêutica, Juliana Santos, explica que a automedicação é uma prática bastante difundida em nosso país, como também em outros países. “Existir uma data específica para este tema serve para chamar a atenção da população e dos profissionais de saúde sobre o uso indiscriminado dos medicamentos e os perigos da automedicação como principais responsáveis pelos altos índices de intoxicação por medicamentos”, disse.

Dados do Sistema Nacional de Informações Tóxico – Farmacológicas da Fundação Oswaldo Cruz (Sinitox – Fiocruz), de 2017, apontam que os medicamentos respondem pela maioria dos casos de intoxicação no Brasil. São 27% das ocorrências, quase o dobro dos atendimentos por picadas de animais peçonhentos. Os antitérmicos, relaxantes musculares e medicamentos de efeito no sistema nervoso central, estão entre os que mais registram intoxicações.

A automedicação inadequada pode causar reações adversas à saúde, como dependência, intoxicação e até a morte, também gerando consequências que podem comprometer o abastecimento das farmácias.

“Estas práticas são potencialmente perigosas e nocivas à saúde individual e coletiva, pois nenhum medicamento é inócuo ao organismo. O uso indevido de medicamentos, dentre estes até os considerados “banais” pela população, como os analgésicos, pode acarretar diversas consequências à saúde do paciente, pois pode, por exemplo, mascarar os sintomas das doenças de base, que passa despercebida e pode, assim, evoluir sem o tratamento adequado”, alerta a coordenadora.

Na perspectiva de mudanças impostas pela pandemia da Covid-19, a procura desenfreada por tratamentos pode ocasionar o uso abusivo de medicamentos na investida de prevenção ou intervenção de alguma forma da doença.

“No atual cenário, com os serviços de saúde já sobrecarregados pela pandemia que estamos enfrentando, é crucial que a população não utilize medicamentos que não tenham comprovação científica e evite utilizar medicamentos sem orientação prescrita dos profissionais de saúde e sem orientação de um profissional farmacêutico”, finaliza Juliana.

Alguns cuidados

Tenha segurança no uso. Caso se sinta mal ou suspeite de Reações Adversas a Medicamentos, procure auxílio de um médico, farmacêutico ou da equipe de saúde. Evite a automedicação. Utilizar medicamentos por conta própria ou sem indicação de um profissional de saúde pode ser altamente perigoso. Utilize de forma correta, na dose prescrita, nos horários corretos e pelo tempo indicado.

Descarte os medicamentos em coletores próprios, não utilize remédios vencidos, evite guardar em lugares quentes e úmidos. Não fique com dúvidas sobre como utilizar seus medicamentos, procure sempre ajuda do médico, do farmacêutico ou da equipe de saúde.

Fonte e foto assessoria