07/05/21 - 13:19:28

Vereador cobra abertura de leitos de UTI pela PMA e questiona ritmo de vacinação

Durante o discurso do Grande Expediente da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) nesta quinta-feira (6), o vereador Ricardo Marques (Cidadania) apelou, mais uma vez, para que a Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA) abra leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e ajude o estado no tratamento de pessoas acometidas pela Covid-19.

O parlamentar apresentou dados que mostram um grande crescimento no número de óbitos de pessoas em Aracaju por decorrência do vírus. “De janeiro pra cá, o número de mortes cresceu assustadoramente. O coeficiente de mortalidade de Aracaju é 40% maior que o de Sergipe e do Brasil. Desde o mês de março que a média diária de óbitos supera 15 pessoas na capital”.

O vereador disse que está acompanhando as ações da prefeitura e cobra a abertura de novos leitos de UTI. “Tenho recebido muitas mensagens de pessoas pedindo ajuda para conseguir uma vaga na UTI. Se temos dinheiro por que não investimos em leitos de UTI, as pessoas estão morrendo porque precisam de um atendimento mais criterioso e não estão tendo. Até quando precisamos esperar? A Covid não começou este ano, começou no ano passado. Se estão abrindo leitos de retaguarda, por que não abrir leitos de UTI também? É para salvar vidas”, questionou o parlamentar.

Outro ponto levantado pelo vereador foi em relação a vacinação contra a Covid em Aracaju. “Na última semana aconteceu o problema com a falta da segunda dose da Coronavac, pelo que pude acompanhar o instituto responsável divulgou que mais doses serão enviadas nos próximos dias. Mas, o que me preocupa é que a prefeitura tem disponível outras marcas para aplicar como primeira dose e o processo está muito lento, nos últimos dois dias a prefeitura vacinou menos de 2 mil pessoas e não informou qual vacina foi aplicada”, afirmou.

Ricardo Marques mostrou ainda preocupação com a falta de locais de vacinação em alguns bairros da capital. “Os bairros Santa Maria e 17 de Março não têm nenhuma unidade de saúde disponível para a aplicação das vacinas. O ponto de vacinação mais próximo fica no Conjunto Augusto Franco. É distante e a maioria dos moradores não tem condições de se deslocar. A prefeitura precisa ver essa questão com atenção”, sugeriu.

Por Wandycler Júnior