25/05/21 - 15:44:32

Falta de atenção e uso de álcool são principais causas de acidentes de trânsito

Em maio de 2011, a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou que os próximos dez anos seriam a Década de Ação para Segurança no Trânsito. De lá para cá, em todos os anos, a campanha Maio Amarelo acontece ao redor do mundo para chamar a atenção da sociedade sobre os altos índices de mortes e feridos no trânsito e da importância da prevenção.

Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), a estimativa é de que cerca de 1,3 milhão de pessoas percam a vida anualmente em todo o mundo em decorrência de acidentes de trânsito. Essa também já é a terceira maior causa de mortes no Brasil. Além dos óbitos, a taxa de internamento também é alta, o que pode ser um risco em época de pandemia.

“Os acidentes de trânsito aumentam a admissão nas unidades hospitalares, sobretudo nas urgências e, a depender da gravidade do caso, vão impactar na ocupação dos leitos hospitalares, tanto de enfermaria quanto de UTI, diminuindo a disponibilidade de leitos que poderiam ser usados para os pacientes de Covid-19”, explica o médico Rômulo de Oliveira, assessor de sustentabilidade da Unimed Sergipe.

A maioria dos acidentes de trânsito tem origem na falha humana, muitas vezes associados à falta de atenção ao dirigir, principalmente por causa do uso do celular, e também pela ingestão de bebidas alcoólicas.

“Dirigir sob efeito de bebidas alcoólicas é um risco e continua sendo um dos principais fatores envolvidos nos acidentes de trânsito. O álcool reduz o estado de consciência e embota os reflexos, estimulando, muitas vezes, as práticas de altas velocidades no trânsito e a direção perigosa, causando acidentes”, pontua o médico.

Maio Amarelo 2021

Em 2021, a campanha trouxe como tema ‘No trânsito, sua responsabilidade salva vidas’ e busca provocar ações integradas entre poder público e sociedade civil no debate sobre a segurança viária.

“A Unimed Sergipe desenvolve, através da sua Assessoria de Sustentabilidade, em parceria com outras entidades públicas e privadas, campanhas anuais educativas de prevenção dos acidentes no trânsito, as quais se intensificam no maio amarelo. Tais campanhas, realizadas em diferentes nichos, como escolas e no próprio trânsito, são muito importantes para esclarecer a população e tem ajudado a reduzir os acidentes”, pontua o médico.

Em Aracaju, a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) realiza todos os anos atividades alusivas ao Maio Amarelo. Desde o ano passado, por conta da pandemia, as ações têm acontecido, em sua maioria, utilizando meios audiovisuais e online, para evitar circulação de pessoas nas ruas.

“A SMTT de Aracaju fez uma programação de ações educativas, levando essa mensagem de um trânsito mais seguro, buscando atingir esse objetivo de envolver a sociedade civil e a imprensa neste tema”, conta o diretor e trânsito da SMTT de Aracaju, Thiago Alcântara. Ainda segundo o diretor, a maioria dos acidentes poderiam ser evitados.

“Em sua grande maioria, poderiam ser evitados por conta de atitudes mais seguras. Os acidentes nunca ocorrem apenas por um fator isolado, a soma de fatores potencializa os perigos, como o excesso de velocidade, o uso do celular e o uso de álcool ao dirigir. É muito importante adotar uma atitude mais segura no trânsito, seja quando estiver como pedestre, como condutor, como ciclista. Temos que nos proteger e proteger os mais vulneráveis no transito”, completa Thiago Alcântara.

Fonte e foto assessoria