30/05/21 - 06:20:39

PCDOB/SE VAI ÀS RUAS EM ARACAJU NESTE SÁBADO PELO FORA BOLSONARO

Dirigentes, militantes e camaradas do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) em Sergipe, marcaram presença na manhã deste sábado, 29, no ato contra o governo do presidente Jair Bolsonaro. Os militantes e demais representantes de diversos movimentos sociais se concentraram na praça dos mercados centrais de Aracaju e seguiram em marcha pelas ruas do centro comercial até o bairro 18 do Forte. No ato, a palavra de ordem foi pelo Fora Bolsonaro.

A marcha contou com a presença de diversos movimentos sociais, que junto com os militantes do PCdoB, se somaram às mobilizações que acontecem em diversas cidades do Brasil na luta pelo Fora Bolsonaro, por vacina para todos, contra a fome e pelo auxílio emergencial de R$600.

“O partido está com total apoio aos trabalhadores e trabalhadoras que estão hoje nas ruas de todo o país protestando contra o governo Bolsonaro. Nós entendemos que esse é um governo negacionista, genocida e responsável pela morte de quase 500 mil brasileiros. Se as pessoas estão morrendo é por falta de vacina para uma doença que já existe vacina”, destacou Diego Araújo, dirigente estadual e municipal do PCdoB/SE.

Para Diego, desde 2018 o estado de Sergipe tem dado o recado ao governo Bolsonaro. “Os 75 municípios sergipanos disseram não ao fascismo em 2018, quando votaram contra Jair Bolsonaro. Ele perdeu em todos os municípios sergipanos e Sergipe tem dado vários recados, não tão contundentes como deveria ser, porque existe a questão da pandemia, existe a questão do distanciamento, que muitas vezes nos impede de estar na rua, mas estamos fazendo o nosso papel. Ou a gente se posiciona ao lado da vida, ou se posiciona ao lado da morte. Estar ao lado da morte é estar defendendo o presidente Jair Bolsonaro”, pontuou.

Mesmo com o cenário da pandemia no estado, a mobilização seguiu com todas as medidas de prevenção e cuidados sanitários possíveis, de forma que não gerasse aglomerações e viesse expor os militantes e trabalhadores ao risco de infecção pelo coronavírus.

“Em diversas reuniões vínhamos discutindo esse ato, as medidas de segurança para que conseguíssemos realizar um ato importante e forte, mas um ato que preservasse vidas e não colocasse a vida dos nossos militantes em risco. Aqui, ninguém queria estar nas ruas em meio à pandemia do coronavírus, mas se estamos aqui é porque sabemos que o governo Bolsonaro se tornou mais perigoso do que o vírus. É um governo que a todo o momento teve propostas de entrega de vacinas e sempre se colocou contra essas propostas”, afirmou Elen Nataly, dirigente estadual do PCdoB/SE.

Para o Secretário LGBTQIA+ do partido, Paulo César, através desse ato a população Aracajuana dá um basta ao atual governo. “Eu fico muito feliz em participar de uma mobilização dessa, mesmo com a possibilidade de uma terceira onda de covid-19, mas vemos que a população Aracajuana está dizendo um basta ao governo genocida de Jair Bolsonaro e Mourão; e, dizer que Aracaju não se renderá às tentativas de virar um curral político do bolsonarismo. Aracaju, que sempre foi progressista, mostra mais uma vez que está na vanguarda da luta contra o fascismo que tem se implantado em nosso país”, destacou.

Por David Rodrigues

Foto: David Rodrigues