Aracaju, 31 de julho de 2021

EM NOTA, GUSTINHO RIBEIRO DIZ QUE NÃO FOI CASSADO E NÃO ESTÁ INELEGÍVEL

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O deputado federal Gustinho Ribeiro informa à imprensa que tomou como surpresa a decisão judicial em 1º grau da Justiça de Lagarto proferida no dia 31 de maio. Na seara eleitoral, este mesmo processo já foi julgado pelo Tribunal Superior Eleitoral em Brasília, em 2014, e o deputado foi absolvido.

“Fiquei surpreso, principalmente, por terem sido desconsiderados os elementos constantes dos autos e que conduzem à conclusão de que, de fato, inexistiu qualquer participação no que fora narrado pelo Ministério Público Estadual”, afirmou.

O deputado Gustinho Ribeiro informa que sua assessoria jurídica irá ingressar com recurso. “Estamos tranquilos. Por se tratar de decisão judicial em 1º grau, será interposto o recurso cabível perante o Tribunal de Justiça de Sergipe, a fim de que seja estabelecida a verdade dos fatos e, por consequência, meu nome seja retirado dessa injusta sentença”, afirmou o deputado Gustinho Ribeiro.

“A bem da verdade, é bom deixar claro que esta decisão por si só não acarreta cassação do mandato – já que cabe recurso – e não causa nenhuma inelegibilidade. “Já fui inocentado em no TSE e acredito e confio na Justiça do nosso País. Continuarei exercendo meu mandato com tranquilidade e pensando sempre no povo de Sergipe”, garantiu Gustinho.

Da assessoria

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Aracaju mantém a vacinação contra covid-19 neste final de semana        
LIRAa: Aracaju permanece em médio risco de infestação por Aedes
Belivaldo Chagas em Japaratuba dá ordem de serviço, bate bola com André Moura e diz que Zeca da Silva subirá mais um pouco
Influenza: PMA alerta gestantes sobre importância vacinação