Aracaju, 2 de agosto de 2021

Falta leitos de UTI e Governo não adotará novas medidas porque o povo não obedece e nem teme a Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Aumenta o número de pessoas infectadas pela Covid-19 que espera vaga em quarto de UTI. Segundo informou nesta segunda-feira (07) um membro importante do Comitê Científico, dez pessoas esperam vagas nos hospitais privados e 79 nos hospitais públicos, quanto a Secretaria da Saúde trabalha para montar mais 20 UTIs no Hospital São José.

– A mesma fonte diz que “a sorte é a redução do número de mortos, mas se continua o aumento diários de casos não haverá vagas nos hospitais, e muita gente que for infectada vão ter que esperar em frente aos hospitais”. Perguntado se o Comitê iria adotar novas medidas restritivas, ele perguntou: “para quê, se o povo não cumpre”.

– Só se fosse lookdown! Com a Polícia nas ruas prendendo quem descumprisse as ordens determinadas. Só assim seria possível manter o povo em isolamento, disse e explicou: “mas o momento não é para isso e nem o governador Belivaldo Chagas está disposto a adotar novas medidas restritivas, muito menos tão fortes quanto o lookdown, porque, em razão da desobediência da sociedade”.

Disse que a cada medida adotada, como o “toque de recolher”, a reação de uma grande maioria é muito ruim, além da desobediência às escondidas, em locais que reúnem centenas de pessoas, a população vai à ruas naturalmente a pretexto de fazer compras, visitar parentes e tudo o mais que justifique o não cumprimento do decreto: “o povo só vai pedir e apoiar medidas restritivas, quando estiverem sem atendimento e ir a óbito em frente aos hospitais ou postos de saúde”.

O membro do comitê reconhece que a solução mesmo seria a vacinação e disse que isso o Governo vem fazendo dentro das condições oferecidas pelos Institutos, que as despacha depois de seguir protocolos, que terminas por atrasar o que fora adquirido: “a única coisa que se espera agora é que a população reconheça o risco que está correndo em razão da dificuldade de leitos públicos e privados e resolva se manter em casa para não adquirir a doença.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão em tributos federais, estaduais e municipais
Prefeitura de Laranjeiras e UNIGEL assinam Protocolo de intenções
Manifestações pelo voto auditável reúnem pessoas em várias capitais
Brasil tem 20.503 casos e 464 mortes por covid-19 em 24 horas