Aracaju, 3 de agosto de 2021

PROFESSOR DIZ QUE TENTOU A VIDA POLÍTICA, MAS SE DECEPCIONOU COM CIDADANIA

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

“Tentei ter uma vida partidária, Jesus me Salvou”.

O historiador Lagartense e professor da Universidade Federal de Sergipe, Claudefranklin Monteiro ao participar de uma entrevista com o radialista Lucas Brasil, na Eldorado FM movimentou o meio político não só na seara municipal, mas também a nível de estado. O professor que costuma ser bastante criticado por suas colocações seguras foi enfático ao dizer que “Tentei ter uma vida partidária, cheguei a ser filiado ao cidadania, fui decepcionado”, disse o historiador, apontando mais adiante que o cidadania “era uma nova política que não era uma nova política”, e concluiu dizendo “Jesus me salvou”.

Quando entrou na política e assuntos ligados ao município de Lagarto, Claude Franklin ressaltou e relembrou que esteve apoiando a prefeita Hilda Ribeiro no último pleito eleitoral e que este seu posicionamento foi alvo de duras e injustas críticas.  “Fui apoiador, sou apoiador e Continuo acreditando e torcendo pelo projeto Hilda Ribeiro”, informou.

O historiador e membro da Academia Lagartense de Letras fez duras críticas ao jeito de muitas pessoas se comportarem ao observar o posicionamento político de alguém e disse o seguinte. “Fui saramandaia a vida toda, quando me desliguei do agrupamento fui citado como sem credibilidade, quer dizer se eu apoio Fabio Reis eu teria credibilidade política?”, explicou Claude Franklin dizendo ainda que “AS pessoas precisam ter educação política. Acompanhar os posicionamentos políticos dos outros e saber se pronunciar e respeitar”, Concluiu.

Em contato com a presidência do diretório municipal do cidadania em Lagarto, o presidente Itamar Santana respondeu a fala do professor. “O professor Claude Franklin foi convidado para ser vice em nossa chapa na última eleição, abdicou do convite e então o partido resolveu escolher uma outra pessoa, ele reclamou de não ter sido ouvido neste sentido, vale ressaltar que ele era apenas um filiado e não membro da direção. Acredito que isso tenha lhe deixado chateado”, disse o presidente, afirmando mais adiante que “o cidadania apresenta sim uma nova política”, concluiu.

Por Lucas Rodrigues de Andrade

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Previsões de decisões
Ana Patricia/Rebeca caem para dupla suíça. Brasileiras fizeram jogo equilibrado
Felipe Franco está namorando jogadora de vôlei: “Tenho uma nova força”
Martine Grael e Kahena Kunze conquistam a medalha de ouro na vela