Aracaju, 4 de agosto de 2021

Polícia Civil prende após seis meses, investigado por estupro de duas crianças. O  acusado possuía um salão de beleza

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Equipe da Delegacia de Atendimento à Criança e ao Adolescente Vítima (Deacav) deram cumprimento a dois mandados de prisão preventiva expedidos contra um homem suspeito de estupro de vulnerável. Os crimes foram praticados contra duas crianças. A prisão ocorreu nessa terça-feira (15).

De acordo com os delegados Ronaldo Marinho e Josefa Valéria, o investigado possuía um salão de beleza e costumava dar dinheiro às meninas para que elas deixassem que ele praticasse o crime. Ao saber que a Polícia Civil estava investigando os fatos, o investigado fugiu e ficou foragido por mais de seis meses.

Há algumas semanas, os policiais descobriram que ele estava escondido na cidade de Jeremoabo (BA). Contudo, após chegarem na cidade, os agentes descobriram que ele também havia fugido de lá, suspeito do cometimento de outro estupro contra uma criança.

Retornando para Aracaju, os policiais descobriram que ele estava escondido no bairro Taiçoca, município de Nossa Senhora do Socorro. O investigado foi preso e já encontra-se à disposição da Justiça.

Fonte e foto SSP

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Sem título
MPSE recomenda que Japaratuba e Pirambu incluam ações e conteúdos sobre direitos humanos e prevenção à violência
Alterado  funcionamento das UBSs de síndrome gripal no final de semana
Universidade Federal lança concurso com 13 vagas para professor efetivo