Aracaju, 7 de dezembro de 2021

NE LIDERA AS MAIORES ALTAS NO PREÇO DOS COMBUSTÍVEIS NO INÍCIO DE JUNHO

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Preço médio do etanol avançou 4,93% na Região, e gasolina teve alta de 1,68%

De acordo com o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), a Região Nordeste registrou aumento de 4,93% no preço médio do etanol nas primeiras semanas de junho, na comparação com o fechamento de maio. No caso da gasolina, a alta foi de 1,68%. Ambas as taxas foram as mais significativas do território nacional no período. Com os aumentos, o etanol foi comercializado nos postos a R$ 5,133, o preço médio mais alto do País. A gasolina foi encontrada a R$ 5,880.

“Além do etanol e da gasolina, o Nordeste apresentou os maiores aumentos nos preços médios do diesel e do diesel S-10 neste início de junho. O tipo comum avançou 1,07% em relação ao fechamento de maio, e o tipo S-10 teve alta de 1,06%. Esses dois combustíveis foram comercializados a R$ 4,734 e R$ 4,772, respectivamente”, destaca Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.

O Rio Grande do Norte se destacou nos aumentos. O diesel, o etanol e a gasolina no estado apresentaram as altas mais significativas do território nacional. O diesel comum avançou 2,56% e a gasolina, 3,23%. Já o etanol apresentou alta de 13,39%, muito acima da Paraíba, segundo maior aumento do País com taxa de 6,22%.

Na Bahia, os postos registraram a maior alta do diesel S-10 no território nacional, de 2,39% na comparação com o fechamento de maio. Já em relação ao etanol, o estado apresentou o combustível mais barato do Nordeste, a R$ 4,931.

O diesel e o diesel S-10 com menores valores médios foram encontrados em Pernambuco, a R$ 4,616 e R$ 4,570, respectivamente. Já a gasolina mais barata da Região Nordeste foi comercializada na Paraíba, a R$ 5,580.

Em relação aos preços mais altos, a gasolina com maior valor médio por litro foi mais uma vez encontrada no Piauí, a R$ 6,102. O diesel e o diesel S-10 mais caros também seguem em Alagoas, a R$ 4,879 e R$ 4,934, respectivamente. Já o etanol com preço médio mais alto foi registrado no Rio Grande do Norte, a R$ 5,615.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados à Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, conta com mais de 30 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções modernas e inovadoras, a fim de simplificar os processos diários.

Variações e correlação gasolina x etanol

RPMA Comunicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Erradicação do trabalho infantil é tema de encontro intersetorial em Simão Dias
Iran Barbosa faz alerta sobre pessoas em situação de rua
Goretti Reis destaca pautas e programação da Conferência da Unale
Adailton repudia proposta de mudar o nome da Barra