Aracaju, 21 de outubro de 2021

Luciano solicita avaliação sobre a posição de Sergipe no relatório do Banco Mundial

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Nesta terça-feira, 22, após acompanhar a prestação de contas do Governo do Estado, o deputado estadual Luciano Pimentel parabenizou a atuação do Poder Executivo e solicitou ao secretário da Fazenda, Marco Antônio Queiroz, uma avaliação sobre a posição de Sergipe em três das cinco áreas listadas pelo Banco Mundial no relatório Doing Business Subnacional Brasil 2021, que aborda o ambiente de negócios no Brasil relacionando boas práticas e obstáculos regulatórios.

“Esse estudo coloca Sergipe em primeiro lugar na região Nordeste e em oitavo no Brasil no que se refere ao ambiente de negócios. Isso reflete o trabalho que está sendo desenvolvido pelo governador Belivaldo Chagas, que tem buscado colocar o estado nos trilhos para garantir que Sergipe tenha equilíbrio econômico financeiro e possa voltar a uma fase de crescimento mais efetivo”, iniciou Luciano Pimentel.

De acordo com o parlamentar, o relatório aponta que o pagamento de impostos, a obtenção de alvará de construção e o registro de propriedades são áreas que merecem maior atenção. Para Luciano Pimentel, Sergipe pode alcançar uma colocação nacional ainda melhor nos próximos anos se promover avanços sensíveis em relação a esses três itens.

“Segundo o Banco Mundial ficamos em 24º lugar no pagamento de impostos e também na obtenção de alvará de construção e 18º no registro de propriedades. São três áreas que podemos trabalhar para que Sergipe esteja não só em primeiro do Nordeste, mas do Brasil no que se refere ao ambiente de negócios”, disse o deputado, complementando.

“Parabenizo o desempenho da equipe econômica e a atuação responsável e equilibrada do governador Belivaldo Chagas, e  peço ao nosso querido secretário da Fazenda que, junto com os servidores da pasta, estude essa questão do pagamento de impostos para que Sergipe possa galgar uma classificação melhor neste quesito”, ressaltou Luciano Pimentel.

Em resposta ao parlamentar, o secretário Marco Antônio Queiroz destacou que a Secretaria da Fazenda atua em parceria com a Junta Comercial do Estado (Jucese) para tornar Sergipe um estado eficiente e rápido. “Agradeço ao deputado Luciano Pimentel e garanto que estamos correndo bastante para que a arrecadação de impostos seja instrumento de realização dos sonhos da sociedade. Com certeza nossa equipe conversará muito sobre esse relatório. Saiba que a opinião do senhor é importante, pois sabemos que é um conhecedor deste tema e tem ideias que o Governo do Estado abraça”, finalizou Marco Queiroz.

Assessoria Parlamentar

Foto: Jadilson Simões

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Governo de Sergipe paga o auxílio tecnológico a mais de 5.700 professores
Simula Enem aplicado presencialmente em todos polos Preuni
Belivaldo mostra o “dever de casa” que fez nas contas do Estado para “Sergipe avançar”
18 anos do Bolsa Família são destacados pelo deputado João Daniel em sessão da Câmara