Aracaju, 2 de agosto de 2021

Nitinho tranquiliza população sobre concurso: “Nosso concurso está garantido”  

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Durante entrevista ao programa Ponto Final, transmitido pela Rádio Fan Fm, o presidente da Câmara Municipal de Aracaju, Nitinho (PSD), tranquilizou a população sobre a realização do concurso público: “Nosso concurso está garantido”, afirmou. A conversa foi conduzida pelo radialista e vereador Fabiano Oliveira (PP) e pelo jornalista Eduardo Andrade no final da tarde desta sexta-feira, 25.

No programa que mistura entrevista, música e bom humor, o vereador ainda fez o balanço dos primeiros seis meses da legislatura, comentou sobre o retorno dos trabalhos presenciais, como foi a adaptação das sessões remotas, a construção da sede nova da Câmara, os principais projetos destinados a melhoria dos aracajuanos, futuro político, eleição 2022 e encerrou o bate-papo pedindo uma música de Vander Lee.

A entrevista começou com uma pergunta sobre o balanço dos primeiros seis meses do legislativo municipal.

Sobre o assunto, Nitinho comentou. “No início tivemos algumas dificuldades devido a adaptação com a tecnologia, agora está tudo acontecendo bem, próximo de como seria no presencial, mas, os parlamentares novatos ainda não sentiram como realmente é o parlamento o calor do plenário. São vereadores muito comprometidos com os aracajuanos e que estão representando a Casa fora do parlamento, como a comissão de saúde e turismo”.

Reforma

Quando questionado sobre o retorno das sessões presenciais, Nitinho foi enfático. “Estamos concluindo a reforma do prédio da Câmara e temos o retorno das Sessões presenciais previstas para o mês de agosto, logo após o recesso parlamentar. Lógico que atendendo todos os protocolos sanitários exigidos pelos órgãos fiscalizadores” finalizou e aproveitou para comentar sobre a eficiência da tecnologia e da economia que a Câmara fez em energia.

Eleição 2022

Respondendo à pergunta sobre uma possível candidatura na eleição de 2022, o vereador afirmou que é político de grupo. “Neste momento estamos dedicados ao processo da pandemia. Não é um momento de estar discutindo eleição com a população, mas sou um homem de grupo, e caso o grupo precise, estarei à disposição. Vou deixar para pensar na política no próximo ano, quando toda a população estiver imunizada em primeira e segunda dose”, ponderou Nitinho.

Concurso

Sobre o concurso da Câmara, o presidente do parlamento municipal frisou que está mantido. “Não depende apenas da Mesa Diretora da Câmara, mas sim da empresa organizadora que realiza concursos em vários estados. Quero deixar a população tranquila que o concurso vai acontecer no momento adequado, mas ainda não temos data marcada”, destacou.

Sede nova

Sobre a construção da nova sede da Câmara de Aracaju, Nitinho respondeu. “Estamos em momento de recessão da economia, onde passamos todos os setores passam por dificuldades financeiras. Preferimos recuar um pouco devido a pandemia, mesmo assim, estamos conversando com a iniciativa privada para fazer uma parceria público-privada para a construção, mais até o momento de nada concreto”.

O apresentador questionou sobre o principal projeto que tramita na Câmara nesta legislatura e o parlamentar revelou. “Temos vários projetos importantes votados neste primeiro semestre, mas a legalização dos bares da região da Aruana contribuiu para a manutenção da economia, empregos de família e valorização deste setor bastante sofrido durante a pandemia”, frisou Nitinho.

Por fim, amante da MPB e multi-instrumentista, Nitinho pediu uma música do cantor e compositor Vander Lee no final da entrevista. “Vander Lee é uma figura que morreu muito jovem, mas deixou um legado para a música popular brasileira”, comentou.

Foto Gilton Rosas

Por  Danilo Cardoso

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão em tributos federais, estaduais e municipais
Prefeitura de Laranjeiras e UNIGEL assinam Protocolo de intenções
Manifestações pelo voto auditável reúnem pessoas em várias capitais
Brasil tem 20.503 casos e 464 mortes por covid-19 em 24 horas