Aracaju, 4 de agosto de 2021

GOVERNO TRABALHA PARA AGILIZAÇÃO DA NOMEAÇÃO DE GUARDAS PRISIONAIS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

 

O Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Administração (Sead), está trabalhando para agilizar a convocação dos aprovados no concurso público de guarda prisional realizado em 2018. Foram ofertadas 100 vagas, que, após aprovação da Assembleia Legislativa, o Estado disponibilizou mais 50 vagas, totalizando 150.

Mesmo seguindo o cronograma do concurso, há entraves relacionados a ações judiciais e a revisão de todas as decisões judiciais que alteram a ordem de classificação dos aprovados no concurso.

Concomitante a isso, a Sead está trabalhando na criação de um cronograma da perícia médica, que é composta por 16 médicos que atendem a diversas necessidades do estado, como atestados médicos e redução de carga horária de servidores, entre outras.

A dificuldade de escalação desses servidores com a perícia tem a haver, também, com o fato da Sead está fazendo a perícia médica dos profissionais temporários da Saúde (800 novos contratados) e da Educação (200 novos contratados).

Diante dessa necessidade de concretizar as perícias é preciso agregar a convocação dos contratados da Secretaria da Justiça.

Para tentar agilizar a perícia, a Sead manteve contato com o comandante da Polícia Militar, coronel Marcony Cabral, pedindo auxílio da briosa PM para que possa contribuir com relação à perícia de servidores temporários da Saúde e Educação.

A Sead entende que a PM tem limitações para auxiliar na perícia dos servidores temporários, mediante a convocação dos 330 policiais militares aprovados em concurso.

De sorte, o governo de Sergipe, preocupado em admitir esses novos servidores aprovados no concurso da guarda prisional, está trabalhando para contribuir para que tenham assunção de suas atividades.

A relação concluída dos aprovados será encaminhada ao Governo do Estado após convalidação da ordem convocatória pela Procuradoria Geral do Estado (PGE).

Todos esses andamentos foram passados pelo secretário de Estado da Administração, George Trindade, ao presidente do Sindicato dos Policiais Penais de Sergipe (Sindippen), Wesley Alves de Souza, e uma comissão de candidatos aprovados do concurso, em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (30), no gabinete do secretário de Estado da Justiça, Cristiano Barreto.

Enfatizou o secretário George que o governador Belivaldo Chagas está fazendo tudo o que é possível para a nomeação dos aprovados, mas só não fará nada ilegal. O secretário Cristiano destacou a luta grande dos aprovados para chegarem a onde chegaram e sabe, como delegado aprovado em concurso, do esforço que é para aprovação de concurso público e da ansiedade e expectativa para nomeação.

Foi colocado pelos secretários que o treinamento dos guardas prisionais nomeados ocorrerá pela Academia de Polícia Civil (Acadepol) e Escola de Gestão Penitenciária (Egesp).

Para Fabrícia Maria, membro da comissão dos aprovados no concurso de guarda municipal, a reunião foi importante por esclarecer alguns pontos. Enfatiza que houve um retorno esperado e viu um “interesse eminente” do governo pela convocação dos aprovados. “Tenho certeza que dentro em breve estaremos colhendo os frutos”, afirmou.

A superintendente Geral de Recursos Humanos da Sead, Zélia Mendonça, e a gerente geral de recrutamento e seleção, Eliema Cardoso da Rosa, participaram também da reunião na Secretaria de Justiça.

Ascom/Sead

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Deputado Georgeo Passos quer apuração sobre “rachadinhas” na Fundação Renascer
2ª Assembleia Geral do Movimento Polícia Unida acontece nesta quinta-feira
Com mais 6.208 vacinados, Aracaju soma 350.034 pessoas imunizadas contra a covid-19 na capital
Energisa com inscrições abertas para o programa Jovem Aprendiz