Aracaju, 30 de julho de 2021

Inverno: saúde reforça a necessidade de cuidados com as doenças respiratórias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Embora as doenças respiratórias possam ser detectadas durante o ano todo, é muito comum ver um aumento significativo  durante as épocas frias, como no período do inverno (estação do momento). A gripe está entre as doenças mais comuns desencadeadas no período chuvoso. Nesse sentido, o médico infectologista e diretor  de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Marco Aurélio, alerta que para  evitar a contaminação, é necessário manter alguns cuidados simples no dia a dia que fazem toda a diferença.

“Tem cuidados que sempre falamos e que agora em período de pandemia isso pode proteger ainda mais,  porque por se tratar de vírus respiratório a transmissão segue parecendo com a da Covid-19. Então o uso de máscara, principalmente se você está gripado, com nariz escorrendo, é importante. Não  tussa nem espirre no  ambiente, pois isso contamina todo o local. Porque além da transmissão respiratória, sabemos que esses vírus se transmitem  pelas mãos, quando a gente contamina  e leva a outra pessoa”, disse.

O médico explica que as orientações para barrar o vírus influenza (gripe) seguem as mesmas aplicadas para diminuir a transmissão da Covid-19.  “É importante a higienização adequada das mãos, uso do álcool gel. Nos protegendo contra os  vírus respiratórios estamos nos protegendo também contra a gripe e Covid-19. É importante  que nesse período que começamos a ter uma queda da Covid em Sergipe, se mantenha  essa proteção  para que não tenha essa complicação com outro vírus respiratório, como aconteceu em 2009, com o Influenza A, H1N1”, explica.

A gripe causada pelo vírus Influenza apresenta sintomas semelhantes aos resfriados, mas com intensidade e duração maiores. A influenza é uma doença respiratória aguda e que pode levar a óbito, além de ter potencial para evoluir para pneumonias. Nesse sentido, a  vacina anual é a melhor forma de prevenção.

“Nesse momento, no nosso inverno, seja  pela diminuição das temperaturas e aumento das chuvas que acabam fazendo  com que as pessoas fiquem mais aglomeradas, o ambiente domiciliar  e de transporte fique mais fechado,  facilita  a disseminação de vírus respiratório. Por isso é muito importante a vacinação para a gripe. Estamos vivendo em um momento que temos uma pandemia de vírus respiratório (SARS-CoV-2), e algumas pessoas acabam preterindo e querendo a vacinação para a Covid-19, mas  não se atentam à vacinação da gripe, que também é muito importante”, destaca.

Nesse momento, está em ação a Campanha de Vacinação contra Influenza. Os grupos prioritários devem procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima da residência, para tomar o imunizante. A campanha que iniciou no dia 19 de abril encerra na próxima sexta-feira, 9 de julho.

Fonte e foto assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Estudantes de Arquitetura desenvolvem manual com base na NBR 15575 para habitações em Sergipe
Polícia Civil divulga imagens de furto em uma loja de roupas na cidade de Itabaiana. Veja o vídeo
Nova Lei contra violência auxiliará a Procuradoria da Mulher na Câmara de Pacatuba
Políticos de volta ao batente