Aracaju, 3 de agosto de 2021

Ricardo lamenta posição de Aracaju no índice de geração de emprego e apresenta projeto

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) lamenta o fato de Aracaju ocupar o último lugar dentre as capitais nordestinas que apresentou o número de empregos formais gerados no mês de maio de 2021.

– Todas as capitais foram afetadas com a pandemia, mas a gestão influencia muito nos resultados. Recife, Salvador e Maceió, por exemplo, registraram milhares de empregos formais no mês de maio, enquanto Aracaju registrou apenas 162.

O parlamentar diz ainda que crê que as oportunidades em Aracaju foram geradas com a chegada da loja da Havan e que a prefeitura de Aracaju anunciou algumas medidas apenas no final de abril, com um ano de pandemia.

– Ver Aracaju posicionado na “lanterna” do ranking me preocupa bastante, a capital ficou atrás do município de Laranjeiras, que gerou 262 novas oportunidades no mesmo período.

Ricardo Marques cita ainda que apresentou na Câmara Municipal de Aracaju dois Projetos de Lei que envolvem o tema.

– Apresentei o projeto de Liberdade Econômica que estabelece normas para atos de liberação de atividade econômica e a análise de impacto regulatório. Além de um projeto para desburocratização de algumas exigências em processos administrativos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Governador assina decretos para atrair novas empresas ligadas ao setor de gás
PMA convoca candidatos para procedimento de heteroidentificação
Trabalhadores nascidos em fevereiro podem sacar auxílio emergencial
Inscrições para o Sistema de Seleção Unificada, Sisu, começam hoje